Rose Miriam di Matteo, a viúva do apresentador Gugu Liberato está processando Leão Lobo, o comentarista do programa “Fofocalizando” do SBT. Ela alega no processo que o apresentador está sendo acusado por ter cometido danos morais contra ela.

Na petição, como foi noticiado através da coluna de Fábia Oliveira, no jornal O Dia da última terça-feira (4), a viúva do apresentador estaria pedindo um valor de R$ 50 mil de indenização pelo que foi dito pelo apresentador nos programas que foram ao ar na emissora nos dias 23 e 27 de dezembro do ano passado.

A situação aconteceu no momento em que o programa havia falado a respeito da briga que acontecia entre Rose Miriam e a família de Gugu, e que ela estaria tentando comprovar sua união estável com Gugu.

O comentário de Leão Lobo

Na época em que o apresentador falou a respeito do caso, ele se mostrou surpreso no momento, dizendo que conheceu muito bem a família toda do apresentador, e que conhecia também Rose Miriam.

Logo em seguida, o apresentador se corrigiu, falando que "achava que conhecia a médica", e que a situação toda que estava acontecendo lhe causava surpresa. Depois Leão Lobo relembrou o momento em que Rose Miriam assinou o documento do testamento, após ele ter sido lido concordando com o que nele constava, e que depois ela voltou dizendo que queria uma parte da herança do apresentador.

Em meio à declaração, Leão Lobo ainda chegou a afirmar que Rose Miriam sabia que o apresentador não deixaria nada para ela em seu testamento, e que ele tem certeza de que ela sabia que isso aconteceria em caso de morte do apresentador.

Processo de Rose contra Leão

No processo movido por Rose Miriam, ela alega que outra parte de uma fala de Leão foi difamação contra ela. O momento em questão foi quando o apresentador alegou que conhecia Rose do SBT, e que depois ele esteve no momento do nascimento de João Augusto, e que depois esteve junto a ela por diversas vezes.

E que, diante disso tudo, ele não entendia o que ela havia feito ao assinar, concordando com o testamento e depois então reivindicar parte da herança.

No processo que está sendo movido pela viúva do apresentador, é afirmado que o direito de liberdade de imprensa e de expressão usado por Leão Lobo em sua fala aconteceu de forma excessiva por ele, e que foram feitos muitos julgamentos.

Além do mais, o apresentador também declarou uma realidade que não existe em sua fala, colocando em dúvida a dignidade de Rose Miriam.

Os advogados de Rose ainda destacaram que o apresentador diz que ter certeza do que está falando a respeito da médica, e que a informação em questão faz parte apenas da convicção do apresentador, e não da realidade.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!