Ainda no último sábado (14), a advogada Gizelly Bicalho recebeu uma advertência por parte da produção do "Big Brother Brasil 20" depois dos eventos que aconteceram durante a madrugada do mesmo dia, logo após o término da festa de sexta-feira.

Devido à punição, Gizelly acabou tendo o seu saldo de estalecas completamente zerado pela produção. O motivo para uma punição tão severa está ligado ao fato de que a advogada cometeu um ato obsceno durante a madrugada, que teve como alvo o hipnólogo Pyong Lee.

Na ocasião, Pyong estava ajudando Flayslane Raiane a se levantar, visto que ela havia bebido demais durante a festa.

Então, Gizelly passou o dedo em espuma de barbear e, posteriormente, passou isso na região das nádegas de Pyong, ato que foi encarado como assédio e chegou a gerar uma petição nas redes para que Gizelly fosse expulsa do confinamento.

O ato em questão foi parte de uma sucessão de atitudes condenáveis tomadas por alguns participantes após a festa. Nesse sentido, mostra-se válido destacar que Gizelly, Daniel Lendhart, Marcela Mc Gowan, Flayslane Raine e Ivy Moraes decidiram brincar com a espuma de barbear e saíram sujando toda a casa.

Todos eles foram penalizados imediatamente pela produção e ainda precisaram ouvir sermões de Pyong Lee, Manu Gavassi e Rafa Kalimann, que consideraram o comportamento excessivo e se irritaram com as atitudes dos brothers.

Entretanto, “o quinteto” recebeu tudo com deboche e riu das advertências de Pyong.

Mais sobre a madrugada de sábado

Pouco depois que as primeiras punições foram geradas, o hipnólogo estava tentando tirar Flayslane de dentro de um baú para que ela não perdesse ainda mais estalecas. A preocupação de Pyong está ligada ao fato de que após Felipe Prior decidir colocar somente Babu Santana no VIP, a Xepa está contando com onze participantes e, dessa forma, pode voltar a passar por escassez de comida.

Foi exatamente nesse momento que Gizelly decidiu fazer a sua brincadeira de mal gosto. Nesse ponto, Rafa Kalimann ainda tentava explicar os erros dos brothers para eles e demonstrar como eles haviam passado dos limites. A influenciadora digital chegou a dizer que ninguém ali é criança e que ela não conseguia mais suportar esse tipo de comportamento.

Ainda durante essa ocasião, Pyong chegou a afirmar que quem não estiver disposto a seguir as regras da produção, deve se dirigir ao confessionário e pedir para deixar a casa. Ele ainda destacou que caso esse tipo de comportamento não parasse, todos eles poderiam ficar com fome.

É válido destacar que, para alguns internautas, a atitude de Gizelly é um assédio, e caso as coisas tivessem ocorrido com os papéis se invertendo, ninguém teria dúvidas disso. Entretanto, muitas pessoas insistiram em encarar a atitude como apenas uma brincadeira da advogada.

Não perca a nossa página no Facebook!