Incapacitada de realizar seus trabalhos por conta da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus, a atriz Rita Cadillac informou para o público que o auxílio emergencial de R$ 600 oferecido pelo Governo Federal a ajudou a pagar suas contas, como a do condomínio do prédio onde está residindo no bairro Santa Cecília, na capital paulista. A dançarina afirmou ainda que o dinheiro a ajudou a comprar algumas coisas. Desabafando, Rita afirmou que não é uma pessoa rica e nem mesmo leva uma vida de rico.

Ao ser entrevistada pelo programa “Domingo Espetacular”, transmitido pela RecordTV durante este domingo (24), a ex-chacrete ressaltou sobre a necessidade de pedir ajuda financeira.

De acordo com a mesma, a classe artística é a última que poderá trabalhar, desabafando não ter entendido todo o "auê" com sua fala. Rita, nas redes sociais, foi criticada por muitos internautas de ter tirado o dinheiro daqueles que realmente necessitavam de ajuda.

A artista divulgou um vídeo e publicou em sua conta oficial explicando sobre o verdadeiro motivo de ter pedido o auxílio emergencial do governo. Como era de se esperar, Rita recebeu inúmeras críticas dos internautas. Na gravação, ela informou que não exigiu o valor, apenas pediu, indo para o DataPrev que, por sua vez, decidiu aprovar.

Continuando, a ex-participante do programa “A Fazenda” ainda expôs que não sente vergonha de demonstrar que passa por dificuldades financeiras, informando que, no momento, está incapacitada de realizar sua profissão e, o que mais deseja, é poder voltar com seus trabalhos e conseguir adquirir seu dinheiro digno.

A entrevista concedida por Rita Cadillac teve exibição durante a manhã desta segunda-feira (25) no programa “Fala Brasil”.

Rita Cadillac foi contratada para entregar quentinha

Durante o dia 26 de abril, muitas pessoas se surpreenderam ao ver uma das pessoas mais contagiantes dos anos 80 circulando pelas ruas da capital paulista fazendo entregas de comida para um restaurante português.

Com 65 anos de idade, a artista encontra-se no grupo de risco do novo coronavírus, fazendo vídeos enquanto entrega as comidas e tecendo elogios para os clientes que estava recebendo seu delivery.

Em sua conta oficial nas redes sociais, Rita Cadillac alertou sobre a possibilidade de uma pessoa receber comida por suas mãos.

A ex-chacrete foi contratada pelo restaurante com o intuito de realizar entregas de modo pontual durante um final de semana.

A escalada de Famosos para realizar entregas está se tornando cada vez mais comum na cidade de São Paulo. No dia 19 de abril foi a vez de Mateus Carrieri ajudar uma amiga a entregar as encomendas para os clientes do estabelecimento.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Governo
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!