O mundo gospel está de luto pela morte da cantora Fabiana Anastácio, que faleceu na madrugada desta quinta-feira (4), em São Paulo. A artista, de 45 anos, estava internada há quase uma semana, após ser diagnosticada com o novo coronavírus.

Covid-19 tira a vida de Fabiana Anastácio

Há seis dias foi divulgada a notícia de que a cantora Fabiana Anastácio e o seu marido Rubens Nascimento haviam testado positivo para o novo coronavírus. Segundo a primeira nota divulgada no perfil oficial da artista, o seu marido foi quem sentiu primeiro os sintomas e a cantora somente dois dias depois.

Rubens Nascimento foi ao hospital e liberado para cumprir o tratamento isolado em casa, já a cantora teve que ser hospitalizada para receber os cuidados necessários para combater a doença.

A artista que é do grupo de risco por ser diabética, hipertensa e idosa, foi levada para uma UTI no dia 1° de junho.

Nesta quarta-feira (03), mais uma nota foi lançada em seu perfil dizendo que a mesma continuava sendo tratada em uma UTI e que se encontra com dificuldades para respirar, mas que isso era normal devido ao peso da artista, mas que seu estado era estável, qual não foi a surpresa dos fãs da cantora ao ver sua morte sendo anunciada nesta manhã.

Irmão de Fabiana Anastácio confirma sua morte

A notícia de que a cantora responsável por hits Famosos no mundo gospel como "Adorarei" e "Sou Eu" havia falecido foi confirmada a princípio pelo irmão da artista. Felipe Anastácio postou no Instagram: "Deus decidiu levar, nossa irmã e segunda mãe (Fabiana Anastácio Nascimento) para os seus braços.

Obrigado a todos pelas orações, ao longo do dia será postado mais informações".

O perfil oficial da artista no Instagram foi usado para lançar uma nota de falecimento sobre a partida da cantora gospel. Eles informaram que nesta madrugada foram surpreendidos com a fatídica notícia da partida para a Glória da eterna Fabiana Anastácio, uma mulher, esposa, mãe, pastora e cantora de voz potente e única.

De acordo com o comunicado, a voz da artista foi ungida para louvar a Deus e que nesse momento de dor, o Brasil chorava junto com a família que se encontra de luto e com respeito à sua memória. Eles desejaram que o Espírito Santo console a todos e relembraram que muitas almas foram levadas a Deus, pessoas foram tocadas e abençoadas pelos louvores da artista e pelas suas pregações verdadeiras.

Segundo a nota, para eles fica a lição da voz inesquecível da cantora. Eles deixaram o trecho de uma das canções famosas de Fabiana que dizia: "Ninguém vai me calar, Te adorarei. Está em meu DNA, Te adorarei. Ainda que tirarem minha vida, Quando chegar aí no céu, te adorarei".

Eles terminaram a publicação, que vem com um vídeo da artista cantando um louvor, e disseram que é para ela cantar mesmo, pois neste momento a terra chora, mas o céu se encontra em festa e agradeceram a honra de terem trabalhado com a cantora.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Música
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!