Nesta terça-feira (14) estreia a sétima temporada de "Masterchef Brasil" com cozinheiros amadores. O programa foi o responsável por fazer que outras emissoras tivessem que investir no segmento dos reality shows culinários, para poder competir com o sucesso que o programa tem feito na Band ao longo dos anos, desde a sua estreia.

Nesta nova temporada, o programa precisou passar por algumas mudanças devido à pandemia da Covid-19, que alterou a forma como os programas estão sendo gravados atualmente, para garantir segurança aos envolvidos.

Prestes a estrear mais uma temporada, a direção do programa demonstrou que não se importa com os outras atrações do mesmo formato, exibidas por emissoras rivais.

Um destes concorrentes, inclusive, é o "Mestre do Sabor", que vai ao ar pela Rede Globo, e busca atrair a mesma atenção que o "MasterChef", pegando carona no grande sucesso que o reality show gastronômico tem feito com o público ao longo dos anos, que assiste vidrado a competição dos cozinheiros, sejam amadores ou não.

'MasterChef' esnoba Rede Globo

A diretora do programa, Marisa Mestiço, deu uma declaração ao site Notícias da TV, na qual deixou claro que o "MasterChef" é o pioneiro do formato no Brasil e que com isso acabaram abrindo portas para que outras competições no formato fossem feitas por outras emissoras.

Ela ainda destacou que acredita que este tipo de concorrência é sempre algo muito saudável, por fazer com que eles saiam do eixo e não continuem fazendo sempre a mesma coisa.

Além disso, a diretora ainda destacou que, por mais que agora existam vários outros programas no segmento, eles possuem mais experiência, com isso e acredita ser algo natural uma relação saudável, visto que todos estão no mesmo segmento de programas, por mais que no final das contas sejam bem distintas as competições.

Marisa ainda deixou claro que a produção do MasterChef sempre busca inovar no conteúdo e se concentra sempre no próximo passo que irão tomar, e não olham para os que estão "vindo atrás", em referência aos programas concorrentes.

O "MasterChef" já se tornou um produto consolidado no Brasil, por mais que atualmente sua audiência não seja da mesma forma que foi como antes, quando fazia com que a emissora figurasse em primeiro lugar no Ibope durante algum tempo, quando ia ao ar.

No entanto, o sucesso do programa de forma comercial é algo inegável. Há anos que o reality show culinário tem se mostrado como sendo o produto mais lucrativo que a Band tem atualmente em sua programação.

Este, inclusive, foi o motivo pela qual as outras emissoras se interessaram em levar para suas próprias programações programas semelhantes, para obter o mesmo sucesso.

Siga a página Masterchef
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!