O cineasta e assistente do programa “Greg News”, da HBO, Carlos Eduardo Barcellos Sabino, conhecido como Cadu Barcellos, foi encontrado morto a facadas no Rio de Janeiro na madrugada desta quarta-feira (11).

O cineasta tinha 34 anos e atualmente trabalhava como assistente de direção do programa comandado pelo comediante Gregório Duvivier, o "Greg News", que vai ao ar pela HBO.

Morte de Cadu Barcellos

De acordo com informações que foram divulgadas, Cadu ao que tudo indica, foi atacado na esquina da avenida Presidente Vargas com a rua Uruguaiana, no centro do Rio de Janeiro. William Oliveira, amigo do cineasta, relatou que acredita que Cadu foi vítima de um latrocínio, que é roubo seguido de morte.

"Cadu foi assassinado possivelmente por conta de um celular, um Riocard e um punhado de reais", declarou o amigo William Oliveira.

No “Bom Dia Brasil”, da Rede Globo, foi relatado que Cadu havia deixado a Pedra do Sal, no Santo Cristo, e que, no momento, havia saído do local em um carro de aplicativo e que estaria, inclusive, com uma amiga.

Ele então desceu do carro e, ao chegar perto de uma estação de metrô, acabou sendo surpreendido pelo criminoso que o atacou. De acordo com o que foi relatado, o cineasta foi visto gritando por socorro por volta das 3h30, mas acabou morrendo no local logo em seguida.

O telejornal que vai ao ar pela Rede Globo também relatou que, de acordo com a Polícia Civil, o caso será investigado pela Delegacia de Homicídios.

Por volta das 7h desta quarta-feira (11), o corpo do cineasta foi enviado para o Instituto Médico Legal (IML), onde, ao que tudo indica, encontra-se até o momento.

Cadu Barcellos deixa a esposa e um filho de 2 anos de idade. O destaque para o cineasta em relação à sua vida profissional veio após integrar como codiretor o longa "Cinco Vezes Favela – Agora Por Nós Mesmos", de 2010.

Cadu assinou o episódio “Deixa Voar”.

Antes que Cadu se tornasse assistente de direção do “Greg News” ele também foi direto artístico do grupo No Lance e assistente de direção do canal Porta dos Fundos, no YouTube.

Após vir à tona a notícia da morte do diretor, Gregório Duvivier usou de suas redes sociais para lamentar a morte de Cadu, destacando que o colega de trabalho era um pai apaixonado e que ele tinha uma família linda.

Renato Góes também lamentou a morte de Barcellos e publicou uma mensagem, assim como Gregório, elogiando o diretor pelo seu talento e como o grande pai que era.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!