A apresentadora Ana Maria Braga lamentou a morte de um querido funcionário com quem trabalhava nos bastidores do "Mais Você", transmitido pela Rede Globo nas manhãs de segunda a sexta-feira. O companheiro foi vitimado por um infarto fulminante, possivelmente fomentado por um quadro de Covid-19, embora as circunstâncias ainda não estejam plenamente confirmadas.

Antonelli, conhecido pelo apelido de Tom Tom, era operador de câmeras nos estúdios do "Mais Você". Ele foi contratado para atuar no programa desde que a atração passou a ser exibida diretamente da casa de Ana Maria Braga, sendo o imóvel transformado em uma espécie de estúdio televisivo.

De acordo com as informações apresentadas pela global aos seus telespectadores, Tom Tom esteve internado por 18 dias após ser diagnosticado com carga viral positiva para Covid-19. Nos momentos mais críticos, esteve em uma UTI (Unidade de Terapia Intensiva), onde passou por tratamentos na tentativa de reverter a síndrome respiratória. Com os pulmões comprometidos, precisou contar com a ajuda de respiradores mecânicos para a devida oxigenação.

Possíveis sequelas da Covid-19

Ao sofrer o infarto fulminante, Tom Tom já havia recebido alta hospitalar, inclusive retornando aos trabalhos normais. Ana Maria Braga acredita que o problema cardíaco tenha sido resultante de uma sequela provocada pelo coronavírus, embora a hipótese careça de confirmação médica.

Em todo o planeta, cientistas e pesquisadores trabalham incansavelmente na tentativa de compreender os efeitos posteriores ao quadro de Covid-19 no organismo humano.

Cameraman queixou formigamento no braço antes de sofrer infarto

Após os trabalhos desta segunda-feira, dia 27 de dezembro, Tom Tom queixou aos amigos de trabalho a sensação de formigamento no braço, um dos sintomas de maior alarde quando se trata de um infarto.

Temoroso pela saúde, disse que compareceria ao hospital a fim de compreender o que estava acontecendo em seu corpo.

No meio do caminho, parou em um banco e tentou auxiliar uma mulher a trocar o pneu furado de sua moto. Neste deslocamento, Tom Tom estava em sua motocicleta, e no momento da ajuda sofreu o infarto, sem chances de ser resgatado.

"No que ele estava trocando o pneu, teve um infarto fulminante. Não voltou hoje. Acho que é importante o alerta, porque uma das consequências do coronavírus pode ser um coágulo que pode ser soltado no corpo", alertou a apresentadora.

Colegas de trabalho prestam homenagens

Os funcionários do "Mais Você" prepararam uma linda homenagem para Tom Tom após a tragédia. Flores foram depositadas sobre a câmera que ele operava, em sinal de respeito e luto diante da tragédia. Ana Maria Braga pontua que a memória do colega jamais será perdida, desejando uma boa passagem ao profissional.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Ana Maria Braga
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!