A seca volta a castigar o nordeste do país. Quase mil cidades estão em situação de emergência e o principal reservatório da região está quase sem água. O principal reservatório do nordeste é o lago de sobradinho, que recebe água do rio São Francisco. É através da água do lago que 31 famílias de agricultores puxam a água para fazer a irrigação da plantação. 

No início do ano eles precisavam de dois quilômetros de cano para irrigar a plantação. Hoje são necessários oito quilômetros de cano. O nível do reservatório opera em 10% menos da sua capacidade normal. O rio São Francisco já chega na Bahia com um nível muito baixo. Durante todo o trajeto bancos de areia são visíveis. 

Cerca de 129 municípios da Bahia se encontram em estado de emergência.

Publicidade
Publicidade

Cerca de 1,3 milhões de pessoas foram afetadas, de acordo com a defesa civil. Nestas regiões o nível da chuva ficou abaixo do esperado nos últimos meses. Esses municípios que passam por esta situação de emergência se encontram na faixa norte, passando pelo centro até chegar ao sudoeste do estado.

O problema se repete em todo o nordeste, quase mil municípios já decretaram situação de emergência. Na Paraíba e em Alagoas, cerca de 26 cidades passam por colapso de água. No ano passado a região do nordeste já havia passado por uma forte estiagem. Este ano ela veio ainda pior, castigando ainda mais a região com a falta de um dos elementos principais a água.

De acordo com o diretor de operações do CHESF, José Ailton Lima, o que eles estão fazendo é fazer com que a água que tem no reservatório estique o máximo possível.

Publicidade

Esta estiagem no nordeste preocupa muito os agricultores e os pescadores que vivem na região. Pois a água é fundamental não só para o dia a dia deles mas para o trabalho.

Segundo a meteorologia a previsão para os próximos meses não é nada boa. Tudo por conta do fenômeno conhecido como El Niño, que segundo os meteorologistas, tem a característica de deixar a estação chuvosa do norte e nordeste seco. Num geral ele prejudica a estação chuvosa nestas regiões. #Natureza #Blasting News Brasil