Aranhas geralmente são temidas e odiadas pelas pessoas correto? Agora imagine que a aranha é um Pokémon e evoluiu... Sim, vai dar em próximo bicho estranho, o Amblypygi (aranha chicote). Não se engane, ele não é uma aranha, e nem uma evolução dela, é apenas um parente aracnídeo menos conhecido e com aparência bem mais aterradora, tão aterradora que Hollywood viu isso já colocou em filmes como monstros.

Sim, no filme do "Harry Potter e o cálice de fogo" este animal apareceu em determinado momento sendo morto por um dos professores de magia.

Este animal existe de verdade e no Brasil, mais precisamente na Amazônia, pantanal e em cavernas pelo nosso país. Aqui, possuem apenas 13 espécies, porém existem Amblypygis adaptadas a desertos e outras regiões fora do Brasil.

Seu corpo pode chegar a aproximadamente 4,5 cm, porém, seu primeiro par de pernas (lembrando que aracnídeos possuem 4 pares) é sensorial e normalmente bem longo e fino, fazendo com que este animal chegue a 30 cm de diâmetro, mas não se preocupe, as pernas sensoriais não servem para andar, apenas para "sentir" o ambiente.

O mais impressionante deste animal, sem dúvida, é suas quelíceras. Esta parte espinhenta na frente do cefalotórax, que dá o aspecto de perigoso para o animal. Na verdade são membros bissegmentados e subqueladas que são utilizados para capturar presas e disputas entre machos, mas não se preocupe, este animal não possui glândulas de veneno e é inofensivo para o ser humano.

Além disso, ele possui quatro pares de olhos, três laterais e um frontal, porém não tem capacidade de enxergar formas, apenas conseguem discernir o claro do escuro, sendo que em algumas espécies, estes olhos podem estar ausentes ou reduzidos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Curiosidades Animais

Mas ele não tem só um aspecto maldoso, ele é uma mãe bastante cuidadosa. Como os escorpiões e aranhas, este animal possui cuidado parental, carregando sua prole em cima do abdômen e alimentado durante os primeiros períodos de vida.

Seu hábito alimentar é geralmente noturno, mas como disse anteriormente, é bastante característico de cavernas, e se alimenta de pequenos insetos e invertebrados.

Mas não pense que este bicho é novidade aqui na terra, existem registros dele durante o período Devoniano, sendo considerado um dos primeiros aracnídeos viventes na terra.

Gostou? Não gostou? Ficou com medo? Deixe seu comentário para sempre melhorarmos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo