Nesta quinta-feira (21), um idoso foi preso acusado de estupro de vulnerável depois que um vídeo foi gravado pela vitima, que é neta do acusado. Os estupros aconteciam na própria residência da família, na cidade de Guaiúba, Região Metropolitana de Fortaleza (CE).

Segundo o delegado responsável pelo caso, Francisco Cavalcante a prisão só foi possível por causa do vídeo gravado pela criança, que serviu como prova judicial. Nas imagens, o suspeito já idoso aparece nu e se masturbando.

A prova que levou o idoso para a cadeia

A menina teve a ideia de gravar o vídeo depois de ver seu avô se masturbando.

Foi então que ela pegou o próprio celular do idoso e gravou as cenas comprometedoras. Assim que acabou, a criança enviou a prova para a mãe e em uma mensagem disse: “Tá aí, mãe, a prova”.

Ainda na mensagem a criança explica para mãe sobre o que se tratava a prova, dizendo que era isso que seu avô fazia com ela quando os dois ficavam a sós.

Mãe da vítima sofria abuso do pai desde os 10 anos

Ao começar a investigar o caso, o delegado Francisco Cavalcante descobriu que o suspeito já praticava esse mesmo tipo de crime há anos, inclusive com a filha, mãe da menina que fez o vídeo, desde os 10 anos de idade. A mãe revelou que ela e seus irmãos tinham medo do suspeito e disse que o idoso obrigava os filhos a assistirem filmes eróticos enquanto se masturbava.

O acusado sempre cometia os atos quando a esposa não estava na casa. Ela nunca soube o que acontecia com seus filhos na sua ausência. O idoso foi atuado pelos crimes de estupro de vulnerável, pedofilia e permanece preso. Segundo o delegado, as investigações ainda estão em andamento com o objetivo de identificar outras vitimas do idoso no município de Guaiúba.

Tanto a mãe quanto a neta foram encaminhadas para atendimento psicológico e passam bem.

Idoso é preso suspeito abusar de gêmeas de 11 anos

Há outros casos de abusos sexuais envolvendo idosos e crianças. Um homem de 65 anos recebeu voz de prisão após ser flagrado apenas de cuecas no quarto com duas gêmeas de 11 anos. O crime aconteceu em Santa Isabel (SP), no dia 23 de outubro passado.

Segundo a polícia uma das meninas estava nua, enquanto a outra estava vestida apenas com uma calcinha. Para a polícia, o idoso negou ter cometido qualquer crime contra as meninas, mas não soube explicar a cena vista pelos policiais militares, que se deslocaram até a residência após uma denúncia anônima.

O suspeito foi preso em flagrante e o caso registrado como estupro de vulnerável. Segundo o boletim de ocorrência, as meninas foram medicadas na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e passaram por exame para comprovar se sofreram abusos.

Não perca a nossa página no Facebook!