Nesse domingo (21) a estação do ano muda de primavera para inverno, esse fenômeno é marcado como Solstício de verão. Solstício (do latim sol + sistere, que não se mexe) é o período em que durante o movimento do Sol, no campo celeste, atinge o ápice de declinação em latitude, medida a partir da linha do Equador.

Esse fenômeno ocorre duas vezes por ano: em dezembro e em junho, no hemisfério Sul. Quando ocorre em junho, significa que a noite é a mais longa do ano, denominada solstício de inverno.

Quando ocorre em dezembro significa que o dia é o mais longo do ano respectivamente denominado solstício de verão. Ambas não têm dia nem hora certa para acontecer, já que devido à órbita elíptica da Terra o ano não tem um número igual de dias.

Essa configuração muda quando nos referimos ao hemisfério Norte, o solstício também ocorre duas vezes por ano nos meses de junho e dezembro, porém de forma contrária, em dezembro ocorre o solstício de inverno e em junho ocorre o solstício de verão.

A inclinação axial e o movimento de translação que a terra faz em torno do Sol determinam as estações do ano.

Em junho, quando se observa o nascimento do Sol de um mesmo ponto da superfície do planeta é possível ver que ele nasce bem distante ao norte do Equador. Já na época das estações de primavera e outono o Sol nasce exatamente no ponto cardeal leste e em dezembro apresenta seu maior afastamento ao sul do equador.

Um pouco da história

Em antigas civilizações festejava-se o solstício de inverno com comemorações que originaram costumes que hoje nos são relembrados como o Natal. Em outras era simbolizado como o início da vitória da luz sobre a escuridão, já que esse era o dia mais longo.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Natureza Educação

Nas mitologias persas, hindu e na cultura do Império Romano faziam nessa data referencias a Mitra considerado o símbolo do "Sol Invictus".

Para os povos Celtas esse dia é chamado Litha e eles homenageiam a deusa da água. Na Cultura europeia eles homenageiam o homem verde, símbolo do ressurgimento da Natureza.

Então, para aquelas pessoas que dizem que o dia está curto para os afazeres aproveitem esse dia para deixar tudo em ordem, ou então aproveitem esse dia para celebrar as energias boas que o verão nos traz.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo