Com a gestação, o corpo da mulher se modifica e os seios também. Por isso, merecem um cuidado especial e, principalmente, específico. A amamentação é um momento mágico onde a mamãe se conecta com seu bebê, mas para que isso seja feito de uma maneira confortável e sem dores para as mamães, os cuidados devem começar durante a gestação.

No período de gestação, as mamas se modificam. As areólas ficam um pouco mais escuras e a pele da região um pouco mais grossa e menos sensível. Como os seios ganham mais volume, podem surgir rachaduras e estrias.

O ideal é sempre manter uma alimentação balanceada para controlar o peso, manter uma hidratação com óleos de amêndoas, cremes específicos a base de ureia, colágeno e elastina.

Em ambos os casos é necessário, sempre, orientação médica.

Para auxiliar no processo de preparação, confira abaixo algumas dicas úteis:

  • Tomar sol na região do tórax por um período de 15 a 20 min., evitando os horários das 10h da manhã às 16h;

  • Massagear os bicos dos seios durante o banho;
  • Usar as conchas de amamentação, pois auxiliam na formação do bico;
  • Passar vitamina E após o banho, já que auxilia na hidratação.

Logo após o bebê nascer os cuidados devem ser diferentes:

  • Primeiro a mamãe precisa certificar-se de que o bebê está abocanhando toda a aréola, e não somente o bico;
  • Se o leite empedrar, não é indicado fazer compressa de água quente e sim de fria. A  compressa quente estimula ainda mais a produção de leite;
  • Continuar a passar vitamina E, porém, caso os seios rachem, uma boa opção é hidratar com o próprio leite materno;

  • Continuar os banhos de sol diariamente, pois evitam o surgimento de fissuras;

  • Os sutiãs devem ser confortáveis, de algodão e com alças largas.

Seguindo estas dicas, as chances de machucar, rachar ou sentir dor são mínimas, porém não deixe de consultar um médico para auxiliar nesse período.

Os melhores vídeos do dia



Lembre-se: o leite materno é o único alimento que seu filho necessita até os 6 meses de vida. Só ele contém nutrientes específicos para o seu bebê. Além disso, mamães que amamentam diminuem a chance de ter câncer de mama e cólon de útero!