Na última quinta-feira (11), a Netflix estreou a produção "Black Summer", mais uma série de zumbis no catálogo do serviço de streaming.

"Black Summer" foi anunciada como sendo uma prequel de "Z Nation". Embora o que foi mostrado nesta primeira temporada da série possa ser reconhecível para os fãs de "Z Nation", as semelhanças entre uma série e outra não são assim tão evidentes.

"Black Summer" é ambientada poucas semanas após o apocalipse ocorrido em "Z Nation".

A série original apresentou um universo mais galheteiro, enquanto a prequel tem, claramente, maiores pretensões, focando mais no drama, tensão e em vários recursos técnicos que ajudam a contar a história.

Mais detalhes sobre 'Black Summer'

Os criadores da série são John Hyams e Karl Schaefer (criador de "Z Nation").

Mas como mencionado anteriormente, as abordagens entre as séries são totalmente opostas, com o universo da nova série sendo bem mais sério que o apresentado pela série mãe.

Fazem parte do elenco desta nova produção os atores Jaime King, Justin Chu Cary, Kelsey Flower, Christine Lee, Mustafa Alabssi, Gwynyth Walsh e Erika Hau.

Obviamente, para aqueles que não assistiram à série original, a associação mais imediata que se faz é com a já clássica "The Walking Dead", pois os clichês desse tipo de produção estão todos em "Black Summer", mas com um verniz mais sofisticado.

Logo no primeiro episódio, a série apresenta um interessante plano sequência que dá ao espectador uma visão bem ampla do desespero daquelas pessoas.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Televisão Seriados

A série apresenta uma trilha sonora que poucas vezes aparece. Se por um lado isso pode ajudar a manter um clima tenso, essa opção pelo silêncio muitas vezes também ajuda a manter um clima arrastado que pode desagradar a muitos.

A fotografia também é algo a se destacar na série, com o uso de tons de azul e cinza que ajudam a manter o clima claustrofóbico.

Ao contrário do que é visto em "The Walking Dead", por exemplo, "Black Summer" é parcimoniosa na exposição de vísceras, zumbis e violência, com exceção do último episódio da primeira temporada.

O foco da produção é na relação entre os grupos de sobreviventes e mostra como o ser humano é capaz de atos de crueldade quando colocado em situações extremas.

A estrutura narrativa da série está sempre em constante mudança. Em um episódio a narrativa pode se mostrar um tanto quanto verborrágica, lembrando um filme de Quentin Tarantino, ou ainda mostrar um episódio que lembre um pouco o primeiro "Mad Max" com Mel Gibson.

Protagonista da série

A personagem Rosie (Jaime King) seria o mais próximo de uma protagonista na série, mas a produção apresenta vários pequenos grupos de personagens em tramas paralelas, mas que acabam se encontrando em determinados momentos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo