Uma cena para lá de inusitada aconteceu na cidade de Feira de Santana, na Bahia, na última semana. Um marido flagrou sua esposa com o suposto amante e gravou um vídeo no momento em que o casal estacionava o carro. O vídeo foi postado imediatamente nas redes sociais.

O homem traído é identificado no vídeo apenas como Márcio e sua esposa – ou ex-esposa – é Lili. As identidades completas não foram divulgadas.

Vídeo

O vídeo tem quase dois minutos. Mulher e amante estão chegando de carro, um Hynduai Azerra, quando o marido surpreende a dupla. Diferente do que acontece em casos como este, o homem não tenta agredir a esposa nem o amante.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Relacionamento

A conversa, em alguns momentos, é até engraçada. “Isso, garoto, beleza”, diz o marido traído. “É o que?”, pergunta o amante. “É o que, o quê?”, retruca o marido. De dentro do carro, a mulher pede: “Márcio, por favor”.

“Você vai me bater?”, pergunta o marido. “Não é você que gosta de bater nos outros, não?”, recruta o amante. No final das contas, ninguém bateu em ninguém e a discussão continua por alguns minutos.

“A casa caiu, não é, Lili?”, afirma o homem traído. “Eu estava trabalhando”, defende-se a mulher. “ô trabalho bom”, ironiza o marido. Na sequência, a discussão continua.

Adultério

Pesquisas revelam que o adultério é um grande problema no Brasil, de acordo com a pesquisa Mosaico 2.0, conduzida pela psiquiatra Carmita Abdo, coordenadora do Projeto Sexualidade (ProSex) do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

No estudo, 50,5% dos homens já admitiram ter traído suas esposas. Entre as mulheres, o número é menor, mas mesmo assim elevado: 30,2%. Na média, 40% dos brasileiros já adulteraram.

Os melhores vídeos do dia

Até pouco tempo atrás, adultério era considerado crime no Brasil e havia punição penal para quem fosse flagrado em adultério.

Em relação às cidades brasileiras, Salvador, capital da Bahia, no mesmo estado de Feira de Santana, é a cidade mais infiel de todo o país; na contramão, está a cidade de São Paulo, a mais populosa, porém a mais fiel de acordo com o levantamento realizado em 2016.

Embora muitas vezes o adultério seja tratado com bom-humor e na base da brincadeira, é algo muito sério. Adultérios destroem, além do casamento, a família como um todo, já que causa separação e os filhos podem crescer sem a presença de pai e mãe na mesma casa.

Além disso, há casos como esse, que terminam com violência e até mesmo morte