Publicidade
Publicidade

Nesta última quarta-feira (14), a plataforma de streaming Netflix anunciou em suas redes sociais oficiais que a série de comédia dramática "One Day At a Time" não vai ter sequência. Isso significa que a quarta temporada não vai ser produzida pela plataforma e o seriado vai encerrar em sua terceira temporada.

Apesar da série ter sido cancelada pela Netflix, a plataforma ressaltou a importância do programa para seus telespectadores e afirmou que as três temporadas já produzidas vão continuar disponíveis em seu catálogo.

Publicidade

De acordo com as declarações da Netflix em seus canais de comunicação, o seriado foi importante para lembrar que todos devemos procurar formas alternativas de contar nossas histórias.

Isso porque boa parte do público da série relatava forte identificação ou representação com os personagens de "ODAAT", sigla que os fãs carinhosamente batizaram "One Day At a Time". A sigla é a reunião das iniciais do título original do seriado.

Embora não apresentar dados estatísticos da audiência, a Netflix alegou que apesar de aclamado pela crítica, a sitcom americana estava na linha de corte das suas produções originais porque precisava de mais audiência para se manter ativa.

One Day At a Time: duas culturas, uma família

"One Day At a Time" foi baseada em um seriado cômico produzido no ano de 1975 que levava o mesmo nome. A versão atual, produzida e exibida pela Netflix, teve estreia no ano de 2017 e contava com a direção de Gloria Calderon Kellett e Mike Royce.

Nomes como Justina Machado, Isabella Gomez e Marcel Ruiz faziam parte do elenco. O enredo contava a história de três gerações de uma família cubano-americana. Em suas três temporadas a série conta com o total de 26 episódios.

Publicidade

Reação do público e repercussão nas redes sociais

A notícia da Netflix que mais uma de suas séries foi interrompida provocou a revolta dos telespectadores, que expressaram sua insatisfação nas redes sociais. Logo após o anúncio do cancelamento, os fãs se mobilizaram e utilizaram no Twitter a hashtag #SaveODAAT para solicitar a continuidade da série. A hashtag foi o tópico mais comentado na rede social.

No Brasil, o anúncio do cancelamento da série ocorreu no perfil oficial da Netflix no Twitter.

Por volta das 19h da quarta-feira (14), a plataforma de streaming usou o microblog para se posicionar diante do público de "ODAAT" e demais seguidores.

A Netflix também informou que a obra vai ser oferecida para outras emissoras, caso queiram produzir.

Publicidade

A notícia despertou esperança aos fãs do seriado, já que no ano passado, algo semelhante ocorreu com outra famosa série.

Brooklyn 99, que também integra o catálogo da Netflix, era produzida e exibida pelo canal Fox, porém, poucas horas depois do anúncio do seu cancelamento a emissora NBC comprou os direitos de produção da série, que agora segue em exibição.