Um usuário do YouTube publicou em seu canal um vídeo que compara o show original da banda Queen no festival Live Aid, de 1985, com a versão apresentada na cinebiografia Bohemian Rhapsody", lançada no final de 2018 e que conta parte da trajetória do grupo.

O vídeo destaca a excelente interpretação do ator Rami Malek, que interpretou o vocalista Freddy Mercury, líder da banda. Rami, inclusive, foi o vencedor da categoria Melhor Ator na 91ª edição do Oscar.

O filme biográfico "Bohemian Rhapsody" também levou outras três estatuetas na cerimônia deste ano, nas categorias Melhor Edição, Edição de Som e Mixagem de Som.

"Bohemian Rhapsody" garantiu quatro das cinco categorias no qual foi indicado ao Oscar 2019, incluindo de Melhor Filme. No entanto, na cerimônia quem recebeu o título máximo de filme do ano foi "Green Book - O Guia".

O auge do longa-metragem foi a reprodução de uma apresentação da banda no festival Live Aid, realizado no ano de 1985. O Live Aid foi um evento de rock que tinha como principal propósito arrecadar fundos em benefício à comunidade carente da Etiópia.

O vídeo comparativo do youtuber Dimitreze evidencia que Rami Malek foi fiel aos trejeitos do vocalista Freddy Mercury. No entanto as músicas "Radio Ga Ga" e "Hammer To Fall" tiveram uma versão reduzida para se adequar à edição do filme.

Já as músicas "Crazy Little Thing Called Love" e "We Will Rock You", que foram executadas no show original da banda Queen, não entraram na reprodução do longa "Bohemian Rhapsody".

Cinebiografia da banda pode ganhar sequência

Em uma entrevista cedida à conceituada coluna Page Six, do jornal norte-americano New York Post, o diretor de Cinema Rudi Dolezal revelou que o filme "Bohemian Rhapsody" pode ganhar sequência.

De acordo com Rudi, a continuação do filme biográfico da banda Queen está sendo discutido com os integrantes vivos do grupo.

Além disso, ele conta que o empresário da banda, Jim Beach, sugeriu começar o segundo filme a partir do festival Live Aid, já que o show encerra a cinebiografia.

Sucesso de bilheteria, "Bohemian Rhapsody" teve estreia nos Estados Unidos no dia 2 de novembro de 2018. A obra teve orçamento estimado de US$ 52 milhões. Contudo, nas 16 semanas que ficou em cartaz conseguiu arrecadar mais de US$ 870 milhões no mundo inteiro, sendo US$ 212 milhões somente nos EUA.

Curiosamente, os títulos indicados na categoria Melhor Filme da edição do Oscar de 2019 somam ao todo a maior bilheteria dos últimos 8 anos. A maior arrecadação entre os oito indicados ao grande prêmio ficou por conta do longa "Pantera Negra", que teve arrecadação mundial de mais de US$ 1 bilhão.

Siga a página Curiosidades
Seguir
Siga a página Música
Seguir
Siga a página Cinema
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!