Na última quarta-feira (3), o Atlético Mineiro passava maus bocados contra o Zamora e se complicando de vez na briga por uma vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores da América. O jogo estava 2 a 0 para o time venezuelano, quando um torcedor atleticano decidiu usar as redes sociais para fazer uma ousada promessa: “se o Galo virar, eu faço uma tatoo do Patric”.

O torcedor era o MC Markin, que não acreditava na vitória do Atlético e, por esta razão, desdenhou do potencial de reação que o próprio time poderia ter no segundo tempo. Após a incrível vitória, o torcedor não pensou duas vezes e tatuou o rosto do jogador e o símbolo do clube.

A história em si viralizou de tal forma que um tatuador profissional, Thiago Scap, se ofereceu para fazer o serviço de graça para o rapaz. O fato de ser o Patric escolhido é pelo simples fato de ser o jogador um dos mais criticados do atual plantel atleticano.

“A ideia da tatuagem foi bem espontânea, no momento do jogo eu resolvi postar”, disse MC Markin. “Depois que virou o jogo, fui ver no Twitter e a galera estava pedindo, apareceu o tatuador que abraçou a ideia junto com a galera”, lembrou o torcedor, que garantiu que a promessa foi com a intenção de homenagear e não ironizar o jogador, que não se manifestou.

“Queria que ele soubesse que não foi nada para denegrir a imagem dele, nada para atrapalhar”, reforçou o torcedor. Ele disse ainda que respeita a opinião do atleta, caso o mesmo não tenha gostado e admite que também pode ter sido um pouco inconveniente.

De olho no Cerro Porteño

A sofrida vitória diante do Zamora manteve o Galo na briga por um lugar nas oitavas de final da Copa Libertadores da América. O próximo compromisso será na quarta-feira (10) da semana que vem contra o Cerro Porteño, no Paraguai. O Galo precisará de um bom resultado para não se afastar da luta pela classificação. O time adversário tem 100% de aproveitamento, tendo vencido seus três jogos.

Em caso de vitória fora de casa, o time mineiro poderá ainda sonhar com uma classificação para as oitavas de final, derrotando um adversário direto e mostrando o quão é capaz de reverter situações adversas como aconteceu nos últimos anos em que foi campeão da Copa do Brasil de 2014 e da Libertadores de 2013.

De olho no Boa

Antes de jogar sua sorte na Libertadores, neste final de semana o Galo terá um importante compromisso pelo Campeonato Mineiro, quando neste domingo (7), receberá o Boa Esporte no Mineirão.

Após empate sem gols no jogo de ida, o time dirigido por Levir Culpi depende de nova igualdade para ir à decisão, contra América ou Cruzeiro. Na primeira fase o Galo venceu o time de Varginha por 5 a 0, com direito a três gols de Ricardo Oliveira.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Libertadores
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!