Na manhã desta terça-feira, em treino realizado no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, o Fluminense encerrou a sua preparação para o compromisso de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Na quarta, a partir das 21h30 (de Brasília), no Maracanã, o Tricolor enfrentará o Cruzeiro e, nesse desafio, o técnico Fernando Diniz, apesar de ainda não ter confirmado, deve repetir a escalação que iniciou o clássico do último sábado contra o Botafogo.

Ao longo das atividades dessa semana, Diniz chegou a esboçar a volta de Aírton, que desfalcou o Flu no final de semana por conta de uma lesão muscular.

Publicidade
Publicidade

O volante, porém, ainda necessita aprimorar a parte física e ficará de fora. A tendência é que ele esteja em condições no sábado, quando a agremiação das Laranjeiras, a partir das 18 horas (de Brasília), no Maracanã, reencontra o Cruzeiro, dessa vez pela abertura da quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

Sem Aírton, Daniel é o favorito para formar o setor de meio-campo ao lado de Allan, Paulo Henrique Ganso e Luciano. Outra alternativa seria a colocação de um volante.

Flu deve manter a equipe de sábado contra o Cruzeiro. (Divulgação/Mailson Santana/Fluminense FC)
Flu deve manter a equipe de sábado contra o Cruzeiro. (Divulgação/Mailson Santana/Fluminense FC)

Como Bruno Silva, acometido de uma contusão no joelho, será submetido a uma intervenção cirúrgica e não tem prazo de retorno aos gramados, Yuri e Caio seriam as opções disponíveis.

Quem também voltou a trabalhar com bola foi Mascarenhas. Afastado por um longo período devido a uma tendinite, o lateral-esquerdo, no entanto, assim como Aírton, só deve ficar novamente à disposição no final de semana.

Apesar do clima de mistério, o provável Fluminense para o jogo de ida das oitavas-de-final da Copa do Brasil é o seguinte: Rodolfo, Gilberto, Matheus Ferraz, Nino e Caio Henrique; Allan, Daniel e Ganso; Luciano, Pedro e Yony González.

Publicidade

Flu alivia fluxo de caixa

Enquanto o time se prepara para encarar o Cruzeiro, fora de campo, o Fluminense recebeu uma boa notícia. Após pedido do departamento jurídico da equipe das Laranjeiras e concordância do goleiro Diego Cavalieri, a Justiça acatou e determinou a redução do bloqueio de 30% para 15% dos valores os quais o clube tem a direito a receber junto ao Grupo Globo, até alcançar o valor de R$ 3.141.746,93.

Há cerca de um ano, Fluminense e Diego Cavalieri entraram em acordo na Justiça por conta de uma dívida trabalhista.

Naquela ocasião, o goleiro, atualmente na reserva do Botafogo, teria conseguido o direito de receber, por parte do Tricolor, R$ 6.105.124,74. Desde então, bloqueios das contas vêm sendo realizados até a quitação do débito.

Com a redução do valor do bloqueio, o Fluminense obterá um alívio nas suas as contas e, consequentemente, melhorará o fluxo de caixa do clube.

Leia tudo e assista ao vídeo