Na manhã desta terça-feira (21), São Paulo e Fluminense acertaram um troca-troca. A pedido do técnico Cuca, o clube do Morumbi fechou a contratação de Marquinhos Calazans, que tinha vínculo com o Tricolor carioca até o final do mês de dezembro. Em contrapartida, a agremiação das Laranjeiras receberá, por empréstimo de uma temporada, Brenner, atacante de 19 anos revelado em Cotia, centro de treinamento da base do clube paulista.

Calazans tem 22 anos e despertou interesse do São Paulo há um tempo. O jogador é visto como um atleta polivalente por parte de Cuca, uma vez que pode atuar como um ala ou pelas beiradas. Tanto o atleta quanto o clube haviam chegado a um acordo, mas o Fluminense, além de tentar uma renovação, queria uma compensação financeira para liberá-lo de forma antecipada. A inclusão de Brenner no negócio fez com que os cariocas mudassem de postura e o negócio pôde, enfim, ser sacramentado.

Além de conseguir Marquinhos Calazans, o São Paulo acredita que Brenner necessite de mais oportunidades. No momento, Alexandre Pato e Pablo são as principais opções como referência do setor ofensivo. A diretoria da equipe também avalia outro nome no mercado. Um deles seria Juan Dinneno, da Deportivo Cali, da Colômbia.

Na quarta-feira (22), o São Paulo recebe o Bahia no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, a partir das 21h30 (de Brasília), no Morumbi.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol Fluminense

No último domingo, ambos se enfrentaram no mesmo local, mas pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro e, em jogo polêmico, ficaram no 0 a 0

Washington pede João Pedro como titular

O Fluminense também tem compromisso no meio de semana. No mesmo horário da partida do São Paulo, a equipe das Laranjeiras vai jogar no Maracanã contra o Atlético Nacional de Medellin, da Colômbia, na abertura da segunda fase da Copa Sul-Americana.

Campeão brasileiro de 2010, o ex-centroavante Washington disse que, por conta da ausência de Pedro (não foi inscrito), o técnico Fernando Diniz precisa escalar João Pedro como titular, especialmente pelo fato de a jovem promessa ter correspondido todas as vezes em que entrou em campo.

"Não ter o Pedro será uma perda significativa para o Fluminense. É uma pena ele não poder jogar. Quanto ao João Pedro, ele é um menino que está arrebentando, fazendo gols e sendo útil para o Fluminense.

Com certeza o Diniz sabe quando e como usá-lo da melhor maneira possível. Acho que pela confiança em alta e com o jogo sendo no Maracanã, tendo o apoio do torcedor, é uma boa oportunidade para ele ser titular", declarou Washington ao portal Lance.

Em 2008, quando foi vice campeão da Taça Libertadores, o Fluminense enfrentou o Atlético Nacional também nas oitavas de final e, com duas vitórias (2 a 1, em Medellin; e 1 a 0, no Rio), eliminou o adversário.

Para Washington, no entanto, isso não deve ser levado em conta. Ele disse que vai ser um confronto diferente e não é possível comparar o que aconteceu em 2008 com os jogos que estão por vir. Segundo ele, o Atlético Nacional é um time que se fortalece em competições sul-americanas. O ex-jogador atribui ao Fluminense o favoritismo na partida de quinta-feira e torce para o Tricolor abrir uma boa vantagem, pensando no jogo de volta, na Colômbia.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo