Atlético Mineiro e Cruzeiro farão neste domingo (4), às 19 horas, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, o terceiro clássico em menos de um mês. Agora, o confronto é válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os times chegam para a partida em situações bem diferentes.

O Atlético Mineiro no meio da semana garantiu sua classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana ao eliminar o Botafogo e está na quarta colocação do Brasileirão com 21 pontos, podendo alcançar o Flamengo, caso ele tropece no jogo das 16h contra o Bahia.

O Cruzeiro vive um momento bem delicado na temporada.

Além de estar na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o time dirigido por Mano Menezes ainda amargou a eliminação na Copa Libertadores, nos pênaltis para o River Plate, no meio de semana. Além disso, ainda tem na próxima quarta-feira (7), o primeiro jogo das semifinais da Copa do Brasil contra o Internacional, que poupou todo o time diante do Fluminense, no sábado (3).

A arbitragem do clássico mineiro ficará por conta do gaúcho Leandro Pedro Vuaden. Ele será auxiliado por Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e Neuza Inês Back (SP). Daniel Nobre Bins, do Rio Grande do Sul, será encarregado do árbitro de vídeo.

A partida será transmitida ao vivo pela TV Globo para todo o estado de Minas Gerais.

Todos os estados poderão acompanhar o clássico através do canal por assinatura Premiere.

Galo vai com força máxima

Como o próximo jogo na Copa Sul-Americana será apenas no final do mês, o Atlético Mineiro irá para o clássico com o que tem de melhor. A grande novidade no time de Rodrigo Santana será a volta de Otero, recuperado de uma conjuntivite.

Por outro lado, o goleiro Victor ainda segue entregue ao departamento médico e será a baixa na equipe.

O provável time do Atlético Mineiro que entrará em campo terá Cleiton; Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Jair, Cazares, Elias, Vinícius e Chará; Ricardo Oliveira e o técnico do time Rodrigo Santana.

Cruzeiro pode poupar jogadores

Apesar da pressão por resultados para deixar a zona de rebaixamento e da necessidade de dar a volta por cima depois de ser eliminado na Copa Libertadores da América, o técnico Mano Menezes pode poupar alguns jogadores por conta do duelo contra o Inter pela Copa do Brasil.

Robinho e Thiago Neves, que recentemente sofreram problemas físicos, devem ser uns dos que irão ganhar descanso. Na lateral esquerda Dodô pode pintar na vaga de Egídio e Fred ser a novidade no ataque.

O Cruzeiro deverá entrar em campo com Fábio; Orejuela, Dedé, Léo e Dodô (ou Egídio); Henrique, Jadson, Ariel Cabral e Marquinhos Gabriel; Pedro Rocha (ou Deivid), Fred e o técnico Mano Menezes.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Cruzeiro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!