No próximo dia 23 de novembro, haverá a inédita final da Taça Libertadores da América em jogo único. A princípio, ela acontecerá no Estádio Nacional de Santiago, no Chile, mas, devido aos protestos sociais dos últimos dias em várias partes daquele país, a Conmebol vem analisando a possibilidade de a decisão do maior torneio de futebol sul-americano ser disputada em outro local.

"O que está acontecendo é perturbador.

Então, vamos analisar a situação", declarou o vice-secretário executivo da Conmebol, Gonzallo Beloso, ao jornal El Mercurio, assegurando que uma decisão poderá acontecer na reunião da entidade na segunda.

Por conta da situação tumultuada que atinge o país, ocasionando a ausência de transportes públicos e a baixa segurança nas ruas, especialmente da capital Santiago, a Associação de Futebol do Chile (ANFP) resolveu cancelar os seis jogos da rodada do Campeonato Chileno previstos para este final de semana, dentre eles o clássico entre Universidad Católica e Colo-Colo.

Além da rodada do Chilenão, com o intuito de evitar problemas de translado das equipes, além de resguardar a segurança de todos os atletas, houve as suspensões de partidas de futebol feminino e de juniores. De acordo com a informação oficial da ANFP, a nova data dos jogos será determinada, posteriormente, pelas respectivas ligas.

Confusão em fase decisiva não chega a ser novidade na história da Taça Libertadores da América.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Flamengo Grêmio

No ano passado, após os ataques da torcida do River Plate ao ônibus do Boca Juniors, o segundo jogo daquela final saiu do Monumental de Nuñez e acabou sendo realizado no Santiago Bernabéu, em Madri.

Semana definirá os finalistas da Libertadores-2019

A edição de 2019 da Taça Libertadores está no seu momento decisivo e, ao longo da semana que começa, haverá os duelos de volta da fase semifinal do certame.

Na terça que vem, às 21h30 (de Brasília), no estádio de La Bombonera, haverá o superclássico argentino envolvendo Boca Juniors e River Plate. Na ida, o River fez valer o seu mando e derrotou o arquirrival por 2 a 0. Com isso, o Boca só avança se vencer por três ou mais gols de diferença. Caso devolva os 2 a 0, haverá disputa de pênaltis. Quaisquer resultados diferentes desses elimina os xeneizes.

No dia seguinte, na quarta, também às 21h30 (de Brasília), o Maracanã, que será o palco da decisão da Taça Libertadores de 2020, receberá o choque brasileiro entre Flamengo e Grêmio.

No primeiro embate, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, ambos ficaram no 1 a 1. Dessa maneira, um empate sem gols dá a vaga para o Flamengo. Empates de 2 a 2 em diante levam o Grêmio para mais uma final. Quem vencer, obviamente, estará classificado.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo