Um acidente ocorrido na tarde do último sábado (16), no km 583 da BR 262, em Campos Altos, cidade que fica há 264 quilômetros de Belo Horizonte, deixou cinco jogadores de Futsal mortos. Os atletas, que jogavam pelo GC Camposaltinho e na noite anterior havia ganhado um campeonato na cidade, seguiam para Bambuí, onde jogariam outro torneio.

De acordo com informações passadas pela Polícia Rodoviária Federal, o Honda Civic onde os atletas estavam rodou na pista, que estava molhada, e bateu de frete em um ônibus, que vinha no sentido contrário, indo parar debaixo dele.

As vítimas, que tinham entre 20 e 31 anos, morreram no local.

Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Araxá. Eles foram identificados como Danilo Andrade, Rodrigo Andrade, Ricardo Máximo, Marcos Vinicius e Elimar Nascimento.

O ônibus transportava 48 passageiros que trabalham em um posto de gasolina e uma loja de conveniência. Três deles sofreram ferimentos.

Adamilson Costa dirigente e técnico da equipe onde os atletas jogavam seguia em outro veículo logo atrás e testemunhou a batida.

“Eles seguiam tranquilamente, sem correr, quando rodaram na pista e vieram a bater no ônibus”, contou.

Costa disse que todos eram amigos desde a infância. “Fomos criados todos juntos. Eles eram meus irmãos de coração”, falou o treinador.

Corpos foram velados no ginásio da cidade

O Ginásio Dr. Luiz Gonzaga Kallil Abraão, onde na sexta-feira (15) os atletas tinham conquistado o título da Copa Camposaltense de Futsal, foi o local escolhido para o velório ocorrido durante toda a madrugada e parte da manhã de domingo.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Polícia

Após o velório, os cinco caixões foram colocados em um caminhão, que seguiu em cortejo até o cemitério da cidade, onde os atletas foram sepultados. A tragédia causou comoção na cidade mineira e alguns comércios e bares da cidade não abriram por luto.

A prefeitura de Campos Altos, onde eles moravam, decretou luto oficial de três dias. “Ninguém poderia imaginar que esses jovens nos deixariam tão cedo”, dizia um trecho da nota. A Prefeitura de Bambuí, cidade para a qual eles seguiam, emitiu uma nota lamentando a tragédia e informou que o torneio foi suspenso temporariamente.

Protesto por duplicação

Indignados com as condições da rodovia onde aconteceu o acidente, moradores de Campos Altos organizaram para esta segunda-feira (18) um protesto para exigir melhorias no trecho.

O objetivo é cobrar da Triunfo Concebra, concessionária que administra a rodovia, bem como as autoridades para a duplicação da estrada, que além dos cinco jogadores, também vitimou um caminhoneiro na última sexta-feira (15), após acidente ocorrido na altura de entre as cidades de Bom Despacho e Nova Serrana.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo