Com o objetivo de ajudar famílias que enfrentam momentos de dificuldades diante da crise ocasionada pela pandemia do novo coronavírus, Fernando Prass leiloou três camisas utilizadas por ele ao longo da carreira. O curioso é que todas as peças acabaram sendo compradas pelo mesmo participante do evento: o ex-presidente do Palmeiras Paulo Nobre.

As camisas do Verdão, do Vasco e da seleção brasileira foram adquiridas pelo ex-dirigente nos valores de R$ 7,5 mil, R$ 4,5 mil e R$ 8 mil, respectivamente. No primeiro caso, trata-se da roupa comemorativa recebida pelo atleta em sua despedida do clube paulista.

O Hospital Infantil Filantrópico do Ceará e a Cajec (Casa de Apoio a Criança do Câncer), em São Paulo, receberão parte da quantia arrecadada. O restante do dinheiro vai ser destinado à compra de cestas básicas que serão doadas na capital cearense numa ação da campanha "Vozão do Bem", do Ceará, clube atual do goleiro.

Gestão de Paulo Nobre levou Prass ao Palmeiras

Foi justamente no primeiro mandato de Paulo Nobre que teve início a trajetória de Prass no Palmeiras, em 2013. À época, o Alviverde se preparava para disputar a Série B do Campeonato Brasileiro, após o rebaixamento no ano anterior.

No clube do Allianz Parque, o arqueiro faturou duas vezes o Brasileirão (2016 e 2018) e uma edição da Copa do Brasil (2015), além da Segunda Divisão nacional que ele participou como titular logo que chegou ao novo time.

Ainda pelo Palmeiras, o arqueiro participou de mais de 260 jogos. Um dos momentos de maior destaque foi o pênalti batido na final nacional de 2015 contra o Santos.

Ex-goleiro do recebeu homenagens de Vasco e seleção

Prass também colocou em leilão a camisa que recebeu ao completar 200 partidas pelo Cruz-Maltino e a que os atletas campeões olímpicos em 2016 o presentearam.

Nos jogos do Rio de Janeiro, o goleiro foi cortado por lesão. Weverton, hoje no Palmeiras, mas que atuava no Athletico Paranaense, herdou a titularidade do experiente jogador na equipe que conquistou o inédito ouro para o Brasil no Futebol.

Prass passou por inúmeros clubes

Revelado pelo Grêmio, Fernando Prass defendeu Francana e Vila Nova antes de vestir a camisa do Coritiba, onde ganhou destaque e atuou por quatro temporadas.

Do Coxa-Branca, ele partiu para o futebol português. No país europeu, o goleiro atuou pelo União Leiria.

Em 2009, chegou ao Rio de Janeiro para jogar pelo Vasco. No cruz-maltino ficou até o fim de 2012. Depois, transferiu-se para o Palmeiras. Já no começo da atual temporada, após não ter o contrato com o Verdão renovado, foi anunciado como reforço do Ceará para as disputas do Estadual, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Brasileirão.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Palmeiras
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!