Ao saber que Jô rescindiu seu contrato com o clube japonês Nagoya Grampus, o Corinthians não perdeu tempo e logo começou a intensificar as conversas na tentativa de recontratar o atacante. Nos últimos dias, esta negociação acabou evoluindo bastante e, por mais que ainda restem detalhes do contrato a serem ajustados, o Corinthians já deixou tudo encaminhado para o retorno do futebolista ao timão.

No entanto, mesmo animado pela chance de voltar ao clube pela 3ª vez, Jô não tem demonstrado pressa para sacramentar sua transferência. O jogador anda levando as conversas com o Corinthians em banho-maria, isso porque ainda espera receber possíveis propostas dos Emirados Árabes Unidos.

Jô pretende fechar outro contrato no exterior

No auge de seus 33 anos, o jogador acredita que ainda é capaz de fazer mais um contrato bom no exterior, para assim, encerrar sua carreira no Brasil futuramente. Além disso, a valorização do dólar, se comparado ao real, deixa esta possibilidade de contrato internacional ainda mais atraente para Jô.

Mesmo assim, até o momento, o jogador não recebeu nenhuma proposta, sendo apenas sondado pelo Oriente Médio. Um clube, inclusive, chegou a dar sinais de que poderia avançar com as negociações com Jô, porém, para que isso acontecesse seria necessário tempo para que fosse aberta uma vaga para jogador estrangeiro no elenco. O clube Al-Ittihad, da Arábia Saudita, também chegou a demonstrar interesse na contratação do jogador, mas não avançou nas propostas.

Corinthians permanece na cola do jogador

Enquanto os times internacionais apenas sondam o jogador, Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, segue na cola do atacante na tentativa de fechar logo um contrato com o ex-jogador do clube. O Timão não teme nenhum time brasileiro, mas tem receio de que algum clube estrangeiro acabe atravessando suas negociações com Jô.

Timão discursa com calma e paciência sobre o assunto

Mesmo continuando na cola de Jô, ao falar no assunto, o Timão discursa com calma e cautela. Eles afirmam que continuam monitorando o mercado, mas ressaltam que “é uma situação diferente vivida no mundo”. Por isso, eles afirmam manter responsabilidade e os pés no chão.

A diretoria alvinegra revela ainda estar com uma redução na folha de pagamentos desde o ano passado, por isso, ressaltam que é necessário manter um certo cuidado em relação aos números, já que em meio à pandemia, não é possível saber quando o futebol voltará a ativa no país.

Contudo, o Corinthians confirma que realmente existe um acompanhamento diário na situação de Jô, ressaltando que o jogador começou a carreira dentro do clube, onde atingiu muito sucesso. Por isso, eles afirmam que se houver uma chance em relação aos números “sem fazer loucura, ele pode vir”.

Siga a página Corinthians
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!