O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) divulgou em suas redes sociais um áudio no qual o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), pressiona-o a entrar com pedidos de impeachment contra ministros do STF (Supremo Tribunal Federal). A conversa entre o presidente e Kajuru ocorreu por meio de ligação telefônica e foi amplamente repostada nas redes sociais.

Bolsonaro pede abertura de impeachment contra ministros do STF

Poucos dias após a solicitação da abertura da CPI da Covid-19 para investigar a atuação do Governo federal no combate à doença, o presidente conversou com o Kajuru a fim de solicitar que ele pedisse a abertura de impeachment contra membros do STF.

Segundo informações do portal UOL, a fala do presidente dá a entender que, caso haja pedido de investigação contra membros do STF, a instalação da CPI da Pandemia pode ser interrompida.

No áudio, Bolsonaro afirma que o senador deve fazer “do limão uma limonada” e que tem que deve pressionar para que seja aberto o processo de impedimento contra os ministros do STF.

Em resposta, o senador disse que já entrou com pedido de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes, ao que Bolsonaro respondeu: “você é 10”.

Bolsonaro pede investigação de prefeitos e governadores

Bolsonaro também cobrou que a CPI da Covid-19 trabalhe para investigar a atuação de prefeitos e governadores durante a pandemia, e não apenas o governo federal.

Este diálogo do presidente com Kajuru aconteceu no sábado (10).

Bolsonaro elogiou o senador no áudio ao dizer que eles dois estavam “afinados”, que desejava uma CPI ampla e que fossem abertas investigações contra os membros do Supremo.

Bolsonaro cobra investigação contra ministros do STF

Um dia após a conversa que teve com Kajuru, Bolsonaro acusou o ministro Luís Roberto Barroso de agir com “militância politica” e pediu para que fossem atendidos os pedidos da população acerca das investigações de membros do Supremo.

Ainda durante a conversa que teve com Kajuru por telefone, o presidente disse que, caso não alterem o foco da CPI, vão querer investigar apenas ele. Além disso, afirmou que iriam realizar um “relatório sacana” contra ele.

O mandatário afirmou que o número de mortes de vítimas da Covid-19 se deve aos prefeitos e governadores e destacou que vão continuar morrendo mais pessoas no país.

Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!