Publicidade
As notícias do momento

Revista afirma que Bebianno entregou cartas a amigos e deu aviso: 'se algo acontecer comigo, abram'

Segundo coluna Radar, ex-ministro deixou duas pessoas próximas avisadas caso algo aconteça com ele.
O ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, tomou uma atitude em relação ao temor que ele vive diante de supostas ameaças que tem recebido. Bebianno revelou medo após ter seu nome envolvido em escândalos sobre as candidaturas laranjas do PSL e sobre as desavenças com Jair Bolsonaro e seu filho, o vereador Carlos Bolsonaro. Nesta sexta-feira (22), a coluna Radar, da revista Veja, divulgou uma matéria afirmando que o medo de Bebianno fez ele agir e se preparar. O ex-ministro teria entregado cartas a duas pessoas próximas com suposto nome de quem seria o responsável caso alguma coisa acontecesse com ele. Conforme a publicação, ele deixou claro a essas pessoas: "se algo acontecer comigo, abram". Em conversas restritas com amigos, Bebianno chegou a se queixar sobre a cisma que ele tinha dos apoiadores de Bolsonaro mais radicais. Vale ressaltar que o ex-deputado do PSOL Jean Wyllys, inimigo declarado do presidente da República, saiu do país após receber...
Publicidade