Vivendo um período muito tenso no jornalismo da Globo, muitos repórteres, jornalistas, staff e até cargos mais importantes como diretores, estão em polvorosa. Toda notícia de demissão acaba deixando um clima de tensão no ar que torna o trabalho na emissora, cada dia mais tenso e o fantasma do desemprego está sempre rondando a emissora carioca.

Recentemente você pode ter visto aqui na coluna ou em outro site de notícias da TV, que a volta do correspondente internacional da Globo, Marcio Gomes, que foi trazido às pressas para a Globo São Paulo acabou causando extremo desconforto na filial paulista da casa.

Publicidade
Publicidade

É que a volta de um expoente importante deve mesmo acabar com o emprego de um dos âncoras dos principais jornais paulistas e o medo de ser demitido começou a pairar sobre os jornalistas de lá.

Por outro lado, não é segredo para ninguém que a Globo tem sofrido uma reestruturação geral e que os orçamentos das filiais estão cada vez mais reduzidos. E o salário de Marcio Gomes é considerado alto para uma filial. Na linguagem popular é 'aquele cara que ganha por três'.

Publicidade

Desta forma algumas demissões devem acontecer para enquadrar o salário do jornalista no orçamento da filial.

Mas no caso desta jornalista de 26 anos de casa, foi ela mesmo que pediu para sair e viver nova vida. Esta-se falando de Cristina Serra, uma das mais importantes e competentes jornalistas, correspondentes e comentaristas do Brasil.

Cristina Serra pede para sair da Globo depois de 26 anos de serviços prestados

A jornalista que é de Belém já foi do 'RJTV', do matinal 'Bom Dia Rio', e participou várias vezes do 'Jornal Hoje' e 'Jornal da Globo'.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos

Ela fez importantes coberturas internacionais como a invasão do Iraque pelos Estados Unidos e o atentado de 11 de setembro.

Ela também participou de um quadro fixo do programa de Jô Soares, 'As meninas do Jô', onde ela e outras três colegas comentavam política e assuntos internacionais em uma roda de conversa liderada pelo apresentador. Depois que ele foi dispensado da emissora e seu programa foi tirado do ar, ela acabou tendo sua exposição minimizada.

Em sua nota de despedida Cristina escreveu: “Aos amigos e parceiros que tanto me ensinaram ao longo destes anos, com generosidade e enorme competência, meu mais afetuoso muito obrigada. A vida abre novas trilhas. A elas, pois. E, como eu vivo dizendo ao meu filho: vamos em frente!", escreveu aos colegas, amigos e fãs.

Mais notícias sobre a Globo

Demissão na Globo? Jornalista é trazido do Japão e rouba vaga de colega: 'Fora?'

BBB18: Globo age contra 'abusos' entre Ayrton e a filha e gera revolta

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo