Embora somente nos últimos dez anos tenha se utilizado a expressão bullying para se referir à perseguição que crianças e adolescentes sofrem na escola e na internet (neste caso o cyberbullying), a prática existe desde sempre.

Muita gente que viveu sua infância na década de 80 ou 90 também era perseguido por alguém da escola. A perseguição pode desencadear agressões físicas, humilhações públicas constantes e muitas vítimas acabam cometendo suicídio ou decidindo fazer justiça com as próprias mãos.

Felizmente, muitas vítimas superam essa fase ruim de suas vidas e se tornam exemplos. Dentre esses vencedores, existem muitas celebridades [VIDEO].

Bruna Marquezine

Bruna é muito mais que a bela senhora Neymar Junior. A morena é atriz desde criança e tem um talento nato para a teledramaturgia. Infelizmente o seu sucesso na tela da TV não foi o bastante para evitar que crianças e adolescentes mal-intencionados a maltratassem na escola.

Em uma entrevista dada para Fernanda Sousa a atriz contou que era excluída na escola justamente por ser famosa e atriz. Quando tinha entre 11 e 12 anos ela foi para uma nova escola e faltou no primeiro dia de aula. No dia seguinte pediu que o pai a levasse até a sala, pois estava insegura por não conhecer ninguém.

Aquilo foi o bastante para as pessoas começarem a zombar dela como “a atriz bobona, que o pai leva na sala, que não falava palavrão, nem tinha beijado ninguém”. Bruna sobreviveu aquele ambiente por um ano, quando depois foi para uma nova escola e se impôs para nunca mais ser a vítima.

Bella Falconi

É meio difícil imaginar que Bella já foi vítima de bullying, afinal, sua beleza é inspiração para muitas mulheres que buscam um corpo perfeito através de uma alimentação saudável. A nutricionista já declarou em entrevistas que por um bom tempo se sentia feia e sem sal, devido aos apelidos maldosos que ganhava na escola.

O motivo da implicância: seu porte físico magro. Demorou para ela se aceitar e adquirir amor próprio, percebendo que o problema estava em quem a perseguia na escola, pois ela é Bella até no nome.

Fernanda Vasconcelos

A atriz revelou no programa de Fátima Bernardes que sofreu muito com bullying na escola. Segundo o relato da atriz, havia um grupo de garotas que tinham ciúmes de um garoto que olhava para ela na escola.

As jovens então começaram a persegui-la, ameaçando espancá-la com pedaços de madeira e feri-la com estiletes. O caso era tão grave que a diretora chegava a chamar a polícia para que a atriz fosse levada em casa em segurança.

Grazi Massafera

A bela atriz que recentemente deu vida à personagem Lívia, de O Outro Lado do Paraíso, também sobreviveu ao bullying.

Grazi contou que era muito humilhada na escola por causa de sua magreza.

As pessoas que a hostilizavam e colocavam apelidos pejorativos achavam que era errado ser magra e isso fazia com que a atriz chorasse, se sentisse mal e começasse a acreditar que precisava deixar de ser ela mesma para não ser mais humilhada, chegando a vestir três calças de uma vez para parecer ter um pouco mais de corpo.

Cauã Reymond

O ator pode ser considerado um dos mais belos galãs da atualidade, mas sua infância não foi fácil. Seus pais eram separados e ele não tinha muito diálogo com eles, de forma que Cauã optava por sofrer calado. Na escola implicavam com ele por tudo e faziam brincadeiras de mau gosto com o seu nome e até com o formato de sua boca.

Com o passar do tempo, ele virou lutador de jiu-jitsu e acredita que isso era uma forma de colocar a raiva que guardava para fora. O problema é que o ator deixou o status de vítima para se tornar o agressor e começou a implicar com outros garotos depois que começou a lutar, mas confessou que quando percebia que alguém estava sofrendo, ele era o primeiro a parar, pois se lembrava do que tinha passado.

Igor Angelkorte

O ator recentemente fez o médico Rafael, em O Outro Lado do Paraíso e já revelou que sofreu bullying desde pequeno por ter vitiligo, uma doença que não tem cura e que vai destruindo a melanima da pele, fazendo com que a pessoa adquira algumas manchas.

Com o tempo, o corpo todo pode perder a pigmentação normal, como foi o caso de Michael Jackson, enquanto há casos de pessoas que a doença evolui lentamente e só gera marcas em algumas partes do corpo.

O ator aprendeu desde muito cedo que tinha que escolher entre fingir ser outra pessoa e tampar a mancha que ele tinha sobre o olho ou se aceitar como é e seguir em frente, apesar da maldade de algumas pessoas.

Fabiana Karla

A atriz já perdeu a conta das piadas que ouviu na vida por causa de estar acima do peso. Com o tempo ela aprendeu, e infelizmente da pior forma, a se amar e não dar a mínima para as pessoas que não gostam dela. A atriz é super-bem resolvida com seu corpo e muita gente a vê como um exemplo.

Gisele Bündchen

A top model era muito zoada na escola por causa do seu porte físico. Ser magra e alta sempre rendeu apelidos maldosos que a incomodavam, mas por ironia do destino foi justamente o seu porte físico em junção com sua beleza, carisma e talento que a tornou uma das maiores modelos do mundo na história. Gisele se aposentou das passarelas, participando apenas de eventos especiais de moda, mas ainda é referência mundial.

Glória Pires

A talentosa atriz revelou ao jornal O Dia que sofreu bullying na escola e que essa foi a pior fase de sua vida. A atriz declarou que o bullying é o resultado de problemas que a escola desconhece e que os pais não assumem.

Alinne Moraes

A linda atriz Alinne Moraes sofreu muito bullying na escola por causa de seus lábios carnudos e boca grande. A atriz teve de conviver com comparações ao personagem Bocão, da Royal, por um longo tempo.

O que todos esses Famosos têm em comum é que se tornaram bem-sucedidos e mesmo com piadas sobre sua beleza ou corpo, hoje são lindos e inspiração para muita gente. Por isso, ao sofrer bullying, não acredite nas palavras doentias dos agressores [VIDEO]. Talvez seu nome esteja na lista de futuros exemplos de superação, enquanto os que praticaram o bullying estarão escondidos.