Anúncio
Anúncio

Após quatro meses no hospital devido a um câncer no fígado, entre agosto e dezembro de 2018, Deise Cipriano, do Fat Family, foi internada novamente no Instituto do Câncer, em São Paulo, no início de 2019. Em outubro do ano passado a cantora chegou a ficar 19 dias em coma. Mas as esperanças com sua recuperação voltaram, após uma melhora em seu quadro geral de saúde no início do ano.

Deise chegou a raspar a cabeça e teve dificuldades em falar por conta de uma traqueostomia, que deixou a região de sua garganta muito irritada. Aapós sua melhora, expectativa era que a doença não mais voltasse. Esta esperança, entretanto, acabou frustrada após uma nova internação nesta terça (12). A cantora passou mal após uma quimioterapia no dia 31 de janeiro e voltou a ser internada na UTI, nesta terça.

Anúncio

A cantora chegou a ser sedada e entubada.

De todo modo, nesta terça-feira (12), enquanto o Brasil ainda se recupera da morte de um de seus maiores jornalistas, Ricardo Boechat, uma nova morte de famoso volta ao noticiário. Segundo Sônia Abrão, do 'A Tarde é Sua', da RedeTV!, a cantora que lutou tantos meses bravamente contra o câncer, não resistiu e faleceu.

Deise morre nesta terça-feira (12)

Deise tinha um severo câncer no fígado. Suh Souza, assessora do grupo, explicou que a cantora precisou de nova internação e chegou a ficar em coma induzido, dada a gravidade de seu estado de saúde. Ela ainda chegou a dizer que a cantora estava com "muita falta de ar e queda na pressão arterial".

Entretanto, em primeira-mão, Sônia Abrão confirmou às 17h desta terça (12) a morte da cantora.

Anúncio

Mesmo após deixar o hospital, a cantora vivia uma rotina de exames muito acentuada e voltava ao hospital com muita frequência. A apresentadora lamentou a morte da amiga em seu programa e seus convidados também chegaram a embargar a voz ao saber da notícia da morte da cantora.

Deise Cipriano participou recentemente do programa "Canta Comigo", apresentado por Gugu Liberato na Record TV. Ela era uma das juradas do reality musical e precisou ser substituída por seu irmão, justamente por conta de seus frequentes problemas de saúde.

A cantora ainda deixa uma filha, Talita Cipriano, que chegou a raspar o cabelo em homenagem à mãe durante o tratamento contra a doença. Na oportunidade, ela revelou a importância da mãe em sua vida e disse que gostaria de lembrá-la que ela não estava sozinha em um dos momentos mais difíceis de sua vida.

Anúncio