Aguinaldo Silva está tentando reverter os problemas com audiência e dentro do elenco. A situação é tão crítica que a novela 'O Sétimo Guardião', que em alguns dias, a trama chegou a ter menos telespectadores que a novela das 19h, o que é algo raro de acontecer. Além disso, as brigas nos bastidores entre os protagonistas da trama, Bruno Gagliasso e José Loreto de um lado, e Marina Ruy Barbosa de outro, acabaram trazendo ainda mais transtorno para o clima da novela. Sem contar que o ator que dá vida a Gabriel ainda teve que se ausentar por mais de uma semana das gravações, por conta de cálculo renal e ainda terá, no final do mês, que tratar uma inflamação nos rins.

Publicidade

Agora, o autor pretende usar uma fórmula conhecida, para trazer mistério e agitar os personagens da pequena Serro Azul.

O autor usou o Twitter para revelar a transformação que a novela 'O Sétimo Guardião' deve receber. Ultrapassando seu centésimo capítulo, a reviravolta será uma das principais apostas para reverter a suposta crise instalada.

Próximos capítulos da novela exibirão mortes misteriosas

Valentina na miséria, as fórmulas de Marcos Paulo roubadas, o suposto assassinato de Laura (que na verdade não aconteceu e em breve ela ressurge 'vivinha') e o segredo de delegado revelado, já começaram a mexer com a novela.

Só que as mortes dos guardiães ainda será a grande aposta para a reta final. Diferente por exemplo das duas últimas antecessoras, 'O Outro Lado do Paraíso' e 'Segundo Sol', onde as serial killers eram conhecidas, aqui o mistério ficará para o final.

De acordo com nota publicada pelo colunista Flávio Ricco, o delegado (que também é um dos guardiães) será a primeira vítima. Entretanto, após o capítulo 124, os demais protetores da fonte começarão a ser exterminados.

Veja a postagem do autor no Twitter

Cidade ficará sem água

Para se vingar de Valentina, Olavo será capaz de qualquer coisa.

Publicidade

Inclusive de explodir o reservatório de água da cidade, para que a água da fonte passe a ser usada pela população.

O próprio prefeito, que deixou o posto de protetor da fonte e estará mancomunado com o vilão, será o primeiro a conduzir a população até o local, para que eles façam uso da água milagrosa do subsolo do casarão. Ainda segundo Flávio Ricco, a ideia do prefeito é que, se ele não pode ter a água, ninguém mais a terá.

Entretanto, quando a população estiver no túnel para fazer uso da água, a fonte deixará de jorrar e situações estranhas começarão a acontecer.

É aí que a vida dos guardiães começa a ficar ameaçada e Joubert Machado morre. Na sequência (ainda não revelada), serão outros protetores da fonte.