A novela "O Sétimo Guardião" está em sua reta final e uma denúncia de assédio sexual veio à tona. O ator Caio Blat, que interpreta o personagem Geandro na trama, está sendo acusado por uma colega de elenco, que não teve o nome revelado.

A informação foi divulgada nesta última quarta-feira (15), no programa "Fofocalizando", exibido no SBT. Segundo a atração, a atriz teria efetuado a denúncia à ouvidoria da Rede Globo, porém, segundo sua assessoria, teria optado por ter sua identidade preservada. O ator se pronunciou através de comunicado ao jornalista Leo Dias e negou as acusações.

Comportamento de Caio Blat seria recorrente

De acordo com a revista Quem, a atriz responsável pela denúncia afirmou que não seria a única que teria reclamações contra Caio Blat. O ator teria promovido um evento em sua casa, no Rio de Janeiro, para comemorar o término das gravações da trama de Aguinaldo Silva, porém, parte do elenco teria se recusado a comparecer por ter tomado conhecimento das acusações.

Procurada pela Quem, a emissora se pronunciou através de comunicado no qual informou que todo e qualquer relato de desrespeito seria apurado pela emissora e que a Ouvidoria da empresa já teria sido acionada.

Esse não é o primeiro caso de assédio denunciado contra um ator global. Em 2017, a figurinista Susllem Meneguzzi denunciou o veterano ator José Mayer por assédio. Na época do ocorrido, Caio Blat foi duramente criticado nas redes sociais por manifestar apoio ao colega de profissão, afirmando que ele não representava ameaça alguma.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Televisão

A atriz Maria Ribeiro, esposa de Caio na época, externou seu apoio à figurinista através das redes sociais. No início de 2019, a Rede Globo anunciou o fim da parceria com José Mayer. O ator estava há 35 anos na emissora.

Caio Blat se pronuncia sobre a denúncia

Segundo o site Terra, o ator Caio Blat enviou uma nota ao colunista Leo Dias rebatendo a denúncia. Caio afirmou ter ficado "surpreso" e "indignado" com as acusações.

O ator revelou que o elenco terminou as gravações do folhetim em um clima ótimo e que ele ficou surpreendido com a notícia que, segundo ele, é "mentirosa" e "anônima".

Em nota, o ator ainda fez um apelo: "se algum colega ficou ofendido com qualquer atitude minha, que se identifique e me procure, para que eu tenha ao menos a chance de me retratar". Caio Blat concluiu a nota afirmando que o assédio é uma atitude covarde, assim como denunciar alguém sem provas e sem se identificar.

Essa é a segunda polêmica que envolve atores do elenco de "O Sétimo Guardião". A primeira envolveu os atores José Loreto e Marina Ruy Barbosa. A atriz foi apontada como pivô da separação de Loreto e Débora Nascimento, mas negou qualquer envolvimento com o colega de elenco.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo