Uma câmera de segurança instalada na rua em que o ator Rafael Miguel e seus pais foram mortos registrou o exato momento do ataque. A família foi assassinada a tiros no último domingo (9). A Polícia aponta Paulo Cupertino Matias, pai da namorada do ator, como responsável pelo crime.

As imagens não identificam com clareza qual seria a vítima que aparece caindo no chão após ser atingida. No vídeo, é possível ver o momento em que um Renault Kwid vermelho chega ao local.

Instantes depois, uma vítima cai próxima ao veículo, e transeuntes aparecem assustados. A gravação ainda mostra o momento da chegada de viaturas da Polícia Militar ao local, minutos após o crime.

Polícia Civil investiga conteúdo das imagens

Segundo o portal G1, o crime ocorreu por volta das 14h do último domingo (9), na Estrada do Alvarenga, no bairro da Pedreira, zona sul de São Paulo. O comerciante Paulo Cupertino Matias é o principal suspeito do crime.

Rafael e seus pais teriam sido supreendidos pelo suspeito armado na porta da casa da namorada do ator. Rafael, de 22 anos, e seus pais, João Alcisio Miguel, de 52 anos, e Miriam Selma Miguel, de 50, morreram no local.

A motivação do crime seria o fato de Paulo Cupertino não aceitar o Relacionamento entre a filha e o ator. Após o crime, o comerciante fugiu do local e se encontra foragido da polícia.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Polícia

Na última segunda-feira (10), Isabela e sua mãe, Vanessa Tibcherani, prestaram depoimento à polícia e contaram detalhes sobre o dia da tragédia. O advogado da jovem, Eliton Lima dos Santos, saiu em sua defesa e afirmou que Isabela seria tão vítima quanto as pessoas que vieram a falecer.

Rafael Miguel ficou nacionalmente conhecido após atuar em um comercial de TV onde pedia para que a mãe comprasse brócolis.

O ator também interpretou Paçoca, na novela "Chiquititas", exibida pelo SBT. Rafael também atuou em novelas da Rede Globo, como em "Pé na Jaca" e " Cama de Gato".

Familiares da jovem foram ouvidos

A Secretaria de Segurança Pública está analisando as imagens das câmeras de segurança.

Um inquérito para apurar o crime foi instaurado no 98º Distrito Policial. De acordo com a polícia, Isabela, sua mãe e seu tio já foram ouvidos. Todas as imagens de segurança e monitoramento obtidas no local do crime também estão sendo analisadas. Em relação ao autor do crime apontado pela polícia com Paulo Cupertino, todas as diligências estão sendo cumpridas para que seu paradeiro seja localizado.

De acordo com vizinhos, o comerciante seria uma homem explosivo e de comportamento agressivo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo