Ruy Asa Branca, 57 anos, fez muito sucesso na década de 90 no Brasil trabalhando como locutor profissional de rodeios. O homem rodou o país e participou das maiores festas de boiadeiro, mas vem enfrentando uma grande batalha contra o câncer nos últimos anos.

Asa Branca foi diagnosticado com um câncer agressivo na garganta e neste último sábado (14) sua assessoria usou o perfil do artista no Instagram para comunicar que o mesmo teve uma grande recaída em seu estado de Saúde e que por isso havia sido internado no Instituto do Câncer em São Paulo e que assim que tivessem mais informações repassariam para os fãs e seguidores.

O câncer de garganta de Asa Branca estaria em situação muito delicada, visto que o locutor também é portador do vírus HIV. Por causa do histórico de saúde de Asa Branca, os médicos não teriam recomendado cirurgia para retirada do tumor maligno que voltou na garganta e na base da boca do locutor no mês de setembro. O homem estaria sob cuidados paliativos como forma de aliviar a sua dor.

Internações devido à doença

Por causa do retorno do câncer, Asa Branca chegou a ser internado algumas vezes nos últimos tempos para tratar a doença, e chegou inclusive a ir para os Estados Unidos na esperança de conseguir um melhor tratamento para a enfermidade.

O locutor já havia passado por 33 seções de radioterapia há alguns anos contra o câncer na garganta, e em setembro, com o retorno e espalhamento da doença, ele teve que ser internado no Instituto do Câncer em São Paulo.

Na época, a esposa do cantor revelou que eles entrariam com seções de quimioterapia, mas que eles iriam lutar por uma cirurgia, visto que pelo fato de Asa Branca ser portador do HIV, teria que ser aplicada uma quimioterapia fraca, que poderia não matar o câncer e enfraquecê-lo ainda mais.

A quimioterapia já havia sido evitada há anos quando a doença apareceu, exatamente por causa do HIV.

No mês de outubro, Asa Branca deu uma entrevista onde demonstrou arrependimento por ter trabalhado tantos anos participando de rodeios. O homem revelou acreditar que sua doença era um castigo divino pelo fato dele ter causado e incentivado os peões a causarem tanta dor nos animais dos rodeios. Ele conta que na época via os animais serem maltratados, mas que não se importava.

O artista e a esposa relataram que sofreram ameaças após o locutor denunciar os maus-tratos recebidos pelos animais nas festas de rodeios.

Há 2 dias foi lançada a biografia de Asa Branca, no livro ele detalha tudo sobre a sua vida, a fama, as superações ocorridas e as mudanças que seu trabalho fez com que ocorresse nos rodeios brasileiros. Mesmo com a saúde debilitada, Asa Branca conseguiu comparecer ao evento.

Siga as suas paixões.
Fique atualizado.

Confira imagens do locutor no lançamento da sua biografia.

Não perca a nossa página no Facebook!