Mais uma notícia triste pegou o mundo da música de surpresa. Na manhã desta terça-feira, 31 de dezembro, último dia do ano de 2019, mais um cantor faleceu. O cantor sertanejo Juliano Cezar vei a óbito durante um show nessa madrugada. Ele se apresentava na cidade de Uniflor, no Paraná, quando passou mal durante o show. Juliano havia completado 58 anos no dia 27 de dezembro.

Segundo Mauro Vasconcelos, produtor musical do sertanejo, o cantor estava cantando normalmente quando caiu no palco, assustando sua equipe e o público presente. O cantor foi socorrido por uma equipe médica, mas apesar de ter sido reanimado por diversas vezes acabou não resistindo.

A assessoria do cantor postou um comunicado em seu perfil no Instagram anunciando a sua morte, com a informação que estavam comunicando o fato com profundo pesar. O comunicado revelou que Juliano Cezar sofreu uma parada cardiorrespiratória enquanto se apresentava em um show no interior do Paraná.

Pouco tempo depois, a assessoria do sertanejo Juliano Cezar, que ficou famoso por compor a canção "Não Aprendi Dizer Adeus", lançou um novo comunicado informando sobre o velório e enterro do artista. Eles informaram que o velório acontecerá na cidade de Ribeirão Preto (SP), cidade em que o cantor morou por mais de 25 anos, das 18h às 21h desta terça-feira (31) . Em seguida, o corpo do cantor será levado para Passos, em Minas Gerais, cidade natal do artista, onde será velado da 1h até as 13h de 1° de janeiro.

O velório do cantor será aberto ao público nas duas cidades.

Carreira de Juliano Cezar

Juliano começou sua carreira na música sertaneja nos anos 80 e emplacou grandes sucessos musicais como a canção "Não Aprendi Dizer Adeus", que foi regravada por Leandro e Leonardo. No ano de 2004, o cantor foi indicado ao Grammy Latino, sendo indicado na categoria Melhor Álbum Romântico.

Antes de ser músico, Juliano trabalhou como peão de rodeios, além de ser fazendeiro.

O sertanejo trabalhou também como apresentador na Rede Vida. Durante a carreira como cantor chegou a gravar 10 CDs e 3 DVDs. Quando veio a passar mal e morrer durante essa madrugada, o cantor já estava realizando o seu terceiro show e estava muito animado com a festa na cidade interiorana do Paraná, visto que o local estava lotado de fãs que foram ver o Cowboy Vagabundo cantar, apelido que era carinhosamente conhecido.

Juliano é o segundo cantor que morre durante essa semana no momento em que se apresentava no palco. No domingo (29) faleceu a cantora de forró Andreia Ribeiro, de apenas 34 anos. A artista estava se apresentando quando caiu no palco e veio a óbito pouco tempo depois.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!