O ginasta Petrix, participante da vigésima edição do "Big Brother Brasil" deverá deixar o programa nos próximos dias. Petrix recebeu uma intimação nos estúdios Globo nesta segunda-feira (3). O documento foi entregue pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) ao jurídico da emissora, que repassou a intimação ao participante. O participante foi acusado por assédio em dois episódios diferentes. O primeiro foi durante uma das festas, onde Petrix teria chacoalhado a participante Bianca Andrade, conhecida como Boca Rosa. Ao realizar o movimento, o ginasta teria encostado nos seios da sister.

Logo após as imagens irem ao ar, internautas começaram a pedir sua expulsão do reality. O segundo episódio envolveu a participante Flayslasne, também durante uma festa. A sister estava sentada no chão quando Petrix teria lhe esfregado as partes íntimas. Após o comportamento do participante, internautas começaram a se manifestar nas redes sociais acusando Petrix de assédio.

Delegada do caso se manifesta

A delegada Juliana Emerique esclareceu os motivos os quais teria decidido intimar Petrix para depor. Juliana, que já denunciou outro participante por assédio há um ano, afirmou através de suas redes sociais que todas as "menções" acerca do caso, bem como vídeos, servem como fontes para a abertura de uma investigação.

A delegada ainda ressaltou que as imagens seriam muito sérias, e por este motivo, Petrix deveria ser ouvido para prestar esclarecimentos sobre o caso. Devido às várias manifestações de revolta diante do caso, a polícia teria decidido instaurar uma ação penal pública.

A assessoria de imprensa da Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou através de nota que a data da intimação estaria marcada para a próxima sexta-feira (7).

Porém, Petrix pode deixar o programa ainda antes deste prazo, já que está no Paredão desta semana ao lado de Hadson, Babu e Pyong, e poderá ser eliminado na próxima terça-feira (4). A TV Globo foi procurada pela equipe UOL, porém, não quis se manifestar acerca do caso.

Família nega assédio

Segundo o site UOL, a família de Petrix negou o assédio e explicou os acontecimentos ocorridos dentro do reality através de nota.

A família afirmou que o participante teria cometido alguns erros dentro do programa, porém, o que teria realizado em Bianca seria um alongamento nas costas, prática comum na ginástica, e que inclusive, Petrix realizaria em sua namorada e em familiares sem maldade alguma. Em outro trecho da nota, a família afirmou que a própria Bianca Andrade teria negado ter sofrido qualquer tipo de constrangimento ao ser questionada sobre o fato.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!