A apresentadora Lívia Andrade foi afastada do “Fofocalizando” por tempo indeterminado. O SBT decidiu suspender a comandante da atração por causa de um comentário sobre a Igreja Universal do Reino de Deus na semana passada.

Ela disse que a igreja fundada pelo bispo Edir Macedo vendia álcool em gel ungido, o que irritou um dos nomes mais importantes da Universal e da Record TV.

Depois de saber do comentário de Lívia Andrade, o genro de Edir Macedo, bispo Renato Cardoso, ficou irritado com a apresentadora e exigiu desculpas.

Segundo o colunista Fefito do UOL, a apresentadora teria fugido do roteiro original do “Fofocalizando” e seu comentário pegou a produção do programa de fofocas surpreso.

Silvio Santos também não teria gostado da atitude de Lívia Andrade, pois mantém boas relações com a Record TV e sua direção.

Ainda de acordo com o colunista Fefito, após ouvir as queixas do bispo Renato Cardoso, o apresentador Silvio Santos resolveu pedir o afastamento de Lívia Andrade por tempo indeterminado.

A apresentadora já não esteve no programa de sexta-feira (27), mas em resposta ao colunista do UOL, o SBT informou que o afastamento de Lívia Andrade do “Fofocalizando” se deve a “questões internas” e não mencionou o episódio envolvendo o bispo da Universal.

Lívia Andrade tratou seu afastamento com ironia nas redes sociais. Em seu perfil no Instagram chegou a publicar uma imagem nos stories com uma legenda provocativa que dizia “cancelada por tempo indeterminado”.

Apresentadora disse que Universal vendia álcool en gel ungido por R$ 500,00

O programa que gerou a polêmica em torno do afastamento de Lívia Andrade do “Fofocalizando” foi ao ar no dia 19 de março. Ao vivo, ela disse que a Igreja Universal estava vendendo álcool e gel ungido por até R$ 500.

Os líderes da denominação religiosa afirmaram que a notícia é falsa, o que levou o bispo Renato Cardoso a se queixar com Silvio Santos. O empresário e animador afastou sua funcionária por tempo indeterminado como demonstração de respeito pelos bispos e pela igreja.

Afastada, Lívia Andrade afirma que não vai dar detalhes sobre o caso

Em seu perfil no Twitter, a apresentadora do “Fofocalizando” escreveu que não iria inventar nenhuma doença ou qualquer sintoma para ficar isolada. Postou ainda que não iria falar nenhuma mentira e afirmou que está afastada temporariamente do programa de fofocas, mas que prefere não dar detalhes.

Lívia Andrade ainda postou que está torcendo pelo programa e que não gostaria de ver nenhum de seus seguidores atacando seus colegas do SBT.

Durante seu afastamento, o “Fofofocalizando” será comando por Chris Flores e Mara Maravilha, além dos comentaristas fixos.

Siga a página Televisão
Seguir
Siga a página Religião
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!