O coronavírus vem assustando milhões de pessoas ao redor de todo o mundo. As pessoas que mais sofrem com a Covid-19 são os idosos, que se veem na zona de risco da doença. Milhares de pessoas estão infectadas em diferentes países, incluindo diversos Famosos. Infelizmente, no dia 20 de março, um brasileiro marcou a estatística de mortos em decorrência do vírus.

O brasileiro que veio a óbito nesta quarta-feira (18) trata-se do especialista em bioenergia Sérgio Campos Trindade, que faleceu na cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Sérgio é conhecido ao redor de todo o mundo, tendo sua morte confirmada pela Agência Fapesp e também por meio de alguns de seus familiares, que foram até suas redes sociais com o intuito de confirmar a triste notícia. O engenheiro químico estava com 79 anos de idade, carregando, em suas conquistas, nada mais que o Prêmio Novel de 2007, aonde, por meio dele, deixou seu trabalho conhecido por milhões de pessoas.

Como era de se esperar, inúmeros fãs manifestaram a tristeza com a morte de Sérgio. Diversas postagens nas redes sociais marcaram a despedida do engenheiro.

Sérgio foi contemplado com o prêmio juntamente dos integrantes do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). Seu trabalho foi uma realização em prol da preservação do meio ambiente.

No momento, o Brasil todo está de luto com a morte do profissional. A repercussão de seu falecimento é grande, se tornando uma das notícias mais lidas no portal R7. Seus familiares já se pronunciaram sobre o ocorrido, manifestando homenagens pelas conquistas em vida do profissional.

Coronavírus em Nova Iorque

O estado de Nova Iorque, infelizmente, está concentrando a grande maioria dos registros do novo coronavírus nos Estados Unidos. Nesta sexta-feira (20), foi estimado 5.715 casos da doença, de acordo com as informações passadas pela Universidade Johns Hopkins. O total de mortos, infelizmente, chegou a 38.

Por conta de tudo que a pandemia vem causando, o governador do estado de Nova Iorque, denominado Andrew Cuomo, determinou recentemente que, aqueles funcionários que não fazem parte dos setores fundamentais da economia, devem ficar dentro de suas casas, iniciando o período de quarentena e proibindo aglomerações ao redor de todo o estado.

Ainda de acordo com as informações da Universidade Johns Hopkins, os Estados Unidos já passaram da barreira dos 10.000 infectados, registrando 154 mortes até o momento.

Não perca a nossa página no Facebook!