Felipe Prior começou a sua trajetória no 'BBB Big Brother Brasil' como um dos participantes 'rejeitados' da temporada, por ter feito parte do grupo de homens intitulados de 'chernoboys' pela web, e por ter tido certa participação no chamado 'Teste de Fidelidade', encabeçado por Hadson, que tinha como foco fazer com que as mulheres famosas e comprometidas da casa traíssem os seus namorados, e, assim, "queimar" a imagem delas com o público fora da casa mais vigiada do Brasil.

Popularidade de Prior

O brother teve uma reviravolta, e passou a ser admirado por muitos internautas por ter ficado 'excluído' do grupo majoritário da casa após os seus amigos terem saído um a um do 'BBB'.

Prior virou popular e recebeu o apoio de diversos atletas nesta última berlinda histórica em que enfrentou Manu Gavassi, tanto é que o Paredão que contou com Prior chegou a um bilhão e meio de votos.

Apelidado de 'El Mago' pela web, o brother contava com alguns haters, mas ainda assim era amada por muitos e se tornou o 'queridinho' dos Famosos, tanto é que Prior fez uma live com o surfista Gabriel Medina nesta quinta-feira (2); se tornou um dos 'parças' de Neymar, com direito a ingresso para a 'Copa do Mundo' e ganhou milhões de seguidores em suas redes sociais.

Acusação de abuso

O ex-brother ainda contava com diversas aparições, e iria ter uma matéria exibida no 'Fantástico' neste domingo (5), além de ir no 'TVZ', do Multishow. Porém, tudo mudou com a divulgação de uma matéria da revista 'Marie Claire', que acusava Prior de ter estuprado duas mulheres e de ter tentado estuprar uma terceira.

A revista ainda trouxe o relato das três mulheres, detalhando o que teria acontecido quando os abusos aconteceram. Os três casos teriam acontecido em jogos universitários da 'InterFAU', tanto é que com a repercussão a própria comissão organizadora da entidade veio a público por meio de uma nota oficial esclarecer que Prior, de fato, foi excluído de eventos futuros por ter sido denunciado por crime sexual.

O assunto repercutiu de tal forma que a tag '#PriorEstuprador' ficou em alta durante horas nos assuntos mais comentados do Twitter no Brasil, assim como os termos 'Marie Claire' e 'FAU'. Diversos famosos vieram a público para recriminar as supostas ações de Prior, e até o jogador Richarlison, que disse que faria um sorteio de uma camisa caso Manu saísse e Prior ficasse, condenou as supostas ações do 'El Mago', acrescentando que mesmo que não soubesse viria a público se desculpar pelo apoio caso as acusações se comprovassem.

Após a sua saída da casa mais vigiada do Brasil Prior tentou desafazer a imagem de machista que foi imputada a ele, ressaltando que ele seria sincero, e este seria um ponto positivo dele na sua perspectiva, porém, as acusações de 'Marie Claire' corroboram com a narrativa das pessoas que o acusavam de machista ao longo de toda a edição.

Defesa de Prior

Após toda a repercussão, o pai de Prior, Edmir Prior, veio a público falar que desconhecia as denúncias pois eles não haviam recebido qualquer intimação, ressaltando que muitas pessoas teriam começado a 'atacar' o seu filho depois que ele entrou na berlinda.

O ex-BBB veio a público na noite de sexta-feira (3) se defender das acusações, reafirmar a sua inocência e acrescentar que os seus advogados já estavam tomando as devidas providências.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!