Nesta segunda-feira (11), mais um episódio da trama pela herança do falecido apresentador Gugu Liberato veio à tona. O chefe de cozinha Thiago Salvático decidiu ir a público para dar uma entrevista polêmica para o colunista Leo Dias, do UOL. O diálogo ocorreu após seis meses de grande insistência do repórter e, agora, Thiago Salvático decidiu falar sobre a intimidade dos dois que, de acordo com o cozinheiro, ficaram juntos por sete anos.

Na conversa, Leo Dias ainda lembrou que, tempos atrás, chegou até mesmo a publicar uma coluna na qual criticava o próprio site de notícias UOL, pois o meio de comunicação, naquele tempo, não queria entrar nos assuntos que envolviam o suposto namorado do apresentador, mesmo existindo diversas provas sobre a veracidade do Relacionamento.

A crítica imposta por Leo Dias, de acordo com o mesmo, ocorria pela postura diferente entres os Famosos que heterossexuais e os famosos homossexuais.

Durante a conversa amigável, Thiago Salvático ainda deixou claro que o relacionamento com Gugu não era algo que vivia em segredo. De acordo com o famoso, aqueles amigos que eram mais próximos ao casal podem servir de testemunha, confirmando que os dois sempre estavam ao lado um do outro. Thiago ainda deixa claro que Gugu Liberato sempre foi uma pessoa considerada reservada, optando por preservar a integridade de seus filhos e também de sua mãe, que já está idosa. Por isso, o chefe de cozinha afirma que Gugu não noticiava o namoro para os meios de notícia.

Thiago Salvático ainda afirma que apenas a morte foi capaz de separá-lo de Gugu, ressaltando que demorou muitos meses para falar sobe o assunto, pois, em momentos anteriores, estava refletindo e digerindo tudo aquilo que havia acontecido com o apresentador, que veio a falecer em um acidente doméstico em novembro de 2019.

Se tratando do relacionamento, Thiago expõe que, desde o início, Gugu havia deixado claro que era necessário preservar o namoro entre os dois, algo que, de acordo com o mesmo, não significava que deviam viver uma vida escondida ou secreta.

Contas conjuntas

Se tratando do processo judicial, a defesa de Thiago citou nos documentos que os dois compartilhavam cartões de crédito, com o cozinheiro tendo acesso a todos as senhas pessoais de Gugu Liberato.

De acordo com o chefe de cozinha, os dois ainda tinham investimentos de forma conjunta que eram administrados por ambos.

A defesa de Thiago Salvático está pedindo uma indenização no valor de R$ 100 mil, solicitando, ainda, que os réus (irmãos, mãe, sobrinhos e filhos de Gugu) arquem com as custas processuais.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!