A modelo Najila Trindade quer apagar seu passado. Há um ano, Najila acusou o jogador de futebol Neymar de tentativa de abuso na França. Depois de investigado o caso, o inquérito foi arquivado. Contudo, agora ela busca o isolamento e se queixa de como foi tratada.

Em entrevista ao jornal Extra, a modelo disse que foi desgastante e desrespeitoso não somente para ela, mas para sua família também, classificando o período como “sofrimento atroz”. Najila afirmou que chegou à exaustão física, emocional, psicológica e principalmente espiritual.

Ela contou ainda que queria apagar tudo o que estava sentindo e o que aconteceu, pois foi muito pesado.

Ela continuou sua fala afirmando que precisava de um recomeço para se reencontrar, pois havia ficado perdida e confusa. Então, ela se isolou completamente.

Insônia

Najila Trindade relatou ainda na entrevista que está sofrendo de insônia e, em tempos de isolamento social, a modelo está se dividindo entre as atividades escolares de seu filho, os treinos para manter a forma física e as tarefas domésticas.

Para evitar se lembrar da polêmica envolvendo Neymar, ela deletou sua conta na rede social Instagram –existem contas com o nome de Najila na rede social, mas não são dela. Atualmente, segundo ela, possui somente um perfil no Twitter.

Embora ela já tenha sofrido anteriormente com abusos físicos e psicológicos, o caso envolvendo o jogador da seleção brasileira, segundo ela, foi um período de escrutínio público que a coagiu e a aprisionou em sentimentos e emoções sombrias e negativas.

Em seu relato, Najila disse que essa foi a fase mais difícil de sua vida.

Na opinião da modelo, assim é a sociedade, tiram as vozes das mulheres, as calam, as culpam e as fazem parecerem loucas por não aceitarem situações que as machucam, e isto é uma prática de séculos. A modelo de 27 anos agora afirma que sua função pública neste momento é sair em defesa das mulheres que são abusadas.

Sobre o ex-namorado de Bruna Marquezine, ela não se pronunciou.

Ela disse que agora entenda a razão de milhares de mulheres se calarem e se submeterem a determinadas situações. A razão para isso, em sua opinião, é o sentimento de impotência diante de todo um sistema.

Espírito livre

Ela afirmou que sempre foi honesta com suas emoções e que tem o espírito livre e permanecerá desta maneira.

Ela disse ainda isto é uma luta diária e que não tem medo de lutar. Najila finalizou a entrevista com a frase “meu corpo, minhas regras”, e garantiu que isto não irá mudar.

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!