A pauta da edição de terça-feira (9) do programa "Encontro", apresentado por Fátima Bernardes na Rede Globo, deu o que falar. Eduardo Bolsonaro, um dos filhos do presidente da República, criticou a pauta do programa, que falou sobre a abstinência sexual na quarentena.

Eduardo Bolsonaro usou o Twitter para dar sua opinião. Ele disse que o horário em que o programa "Encontro" é transmitido deveria ser reservado para programação infantil e educativa.

O deputado ainda acusou a apresentadora de incentivar que o público se masturbe durante a quarentena. No Twitter, Eduardo Bolsonaro disse que as crianças estão em casa, sem poder ir à escola ou sair para brincar, e que a Globo deveria exibir desenhos e programação educacional.

Ele continua e diz que no lugar dos desenhos a Globo exibe o programa "Encontro", com Fátima Bernardes incentivando os telespectadores a se masturbarem na pandemia.

Eduardo Bolsonaro acusa Fátima Bernardes

A apresentadora do "Encontro" não fez apologia à masturbação na quarentena em nenhuma pauta do programa dessa terça-feira (9). Uma das pautas do dia foi a discussão de como os solteiros estão vivendo durante a quarentena.

O tópico que abriu o debate da pauta foi a falta de relação íntima. O psiquiatra Jairo Bouer, que foi um dos convidados, participou de uma dinâmica onde um semáforo foi colocado no telão com o verde (liberado), amarelo (atenção) e vermelho (deve ser evitado).

A apologia citada por Eduardo Bolsonaro, que fez a acusação se referindo a Fátima Bernardes, foi feita pelo próprio psiquiatra.

O profissional disse que as formas de ter prazer sozinho era seguro e que era sinal verde. O psiquiatra ainda disse que em alguns países chegou-se a recomendar a masturbação durante a quarentena.

Fátima Bernardes não fez apologia à masturbação

Depois da explicação do psiquiatra Jairo Bouer, Fátima Bernardes não fez qualquer comentário e seguiu com a discussão do quadro que abordou outros temas.

A apresentadora conversou de maneira virtual com uma brasileira de 19 anos que mora em Lisboa. Ela contou que conheceu um homem em um aplicativo de relacionamentos e acabou contraindo coronavírus ao se encontrar com ele.

A publicação feita por Eduardo Bolsonaro teve mais de 30 mil curtidas, mas muitos dos internautas que usam a rede social discordaram da acusação do deputado federal, ainda demonstraram surpresa ao descobrir que o deputado acompanha a Rede Globo, já que os aliados do presidente Jair Bolsonaro criticam a mesma publicamente.

Uma internauta ironizou a fala do deputado e disse que não sabia que os pais estavam obrigando as crianças a assistirem o "Encontro" com Fátima Bernardes.

Outro disse que na plataforma de streaming Netflix tem muitos desenhos animados.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!