Alexandre Mortagua é um cineasta independente e filho do ex-jogador Edmundo com a modelo Cristina Mortágua. Pai e filho não se encontram há quase 10 anos. Edmundo afirma ter pagado quase R$ 10 milhões de pensão até os 24 anos do filho, que tem agora 25.

Alexandre fez uma postagem em seu perfil no Instagram onde contou sobre as dificuldades de encontrar trabalhos em sua área, e diz estar vendendo geleia para pagar as contas durante a pandemia de coronavírus.

O cardápio "Geleia do Lelesauro" foi criado por Alexandre e uma amiga com quem divide apartamento em São Paulo, com sabores variados e preços que vão de R$ 15 a R$ 22.

A dupla anuncia seus produtos nas redes sociais.

Declarações de Edmundo

De acordo com informações divulgadas pelo portal UOL, que conversou diretamente com o ex-jogador Edmundo, Alexandre teria recebido uma pensão equivalente a 30 salários mínimos durante 24 anos. O cineasta, que hoje tem 25 anos, recebeu o valor que chegou a R$ 31.350 mil, com direito a décimo terceiro salário até o ano passado.

Edmundo afirma que sempre tenta contato enviando mensagens para o filho, que segundo ele nunca responde, mesmo em datas comemorativas como Natal, aniversários e Dia das Crianças. O ex-jogador diz que mesmo assim tudo de ruim sempre sobra para ele.

O ex-jogador diz que o filho acaba se aproveitando da situação, porém afirma que está com a consciência tranquila.

Alexandre Mortágua

O filho do ex-jogador também foi procurado pelo UOL, para que tivesse o direito de ler as declarações do pai e mencionar o seu ponto de vista. A princípio Alexandre resistiu, decidido a não comentar sobre as palavras ditas por seu pai. O cineasta mudou de ideia após ler a declaração feita no ar e decidiu se manifestar, lamentando o que tinha lido.

Alexandre diz que pela forma que Edmundo fala, aparenta que os pagamentos foram feitos de boa vontade. Ele também questionou as palavras do pai alegando que ele se aproveita: "se aproveita do que, meu senhor?"

Indo mais além, Alexandre alega que Edmundo sempre deixou bem claro que a relação entre eles era mera formalidade judicial para que não fosse preso, e lamenta que o pai seja capaz de calcular o valor de seu filho mais velho, que segundo ele foi um cálculo bem mal feito.

Ainda de acordo com Alexandre, o período correspondente ao pagamento das pensões foi definido pela Justiça, foi um ato de medo e covardia, e não um gesto de preocupação ou amor.

Afirmando que é filho de Edmundo por mera formalidade biológica, ele alega nunca ter inventado nada sobre o ex-jogador, e diz que jamais mendigaria afeto porque um homem adulto se sente mal pelo abandono de seu primeiro filho.

Pai e Filho

A relação entre pai e filho acabou quando Alexandre tinha 16 anos, depois de uma decisão judicial que ambos buscassem ajuda de uma terapeuta para tentar uma aproximação por pelo menos 10 sessões. Alexandre conta que foi seu último esforço.

Em entrevista ao programa "Luciana by Night" realizada no ano passado, ele afirma não guardar mágoas do pai, mas também diz que não tem lembranças boas.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Fofocas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!