O cinema, ou a sétima arte, como é conhecido - nomeado dessa forma pelo italiano Ricciotto Canudo, em seu "Manifesto das Sete Artes", no início do século XX. O cinema nomeado como a sétima arte, veio aumentar a lista anteriormente apresentada poe Hegel, que nomeava as seis primeiras: arquitetura, escultura, pintura, música, dança e poesia. A intenção de Canudo era aproximar o cinema da Belas Artes e acabar com a ideia de que cinema era um espetáculo para a massa.

O cinema é, há algumas décadas, uma das principais fontes de entretenimento popular e tem um grande poder de comunicação que liga povos, através de filmes que se tornam mundialmente famosos. Através dos filmes, passa-se a conhecer a grande diversidade de culturas, lugares famosos e belos cenários - através de suas locações - que jamais se imagina que possam existir.

Assim como tem o poder de entreter, o cinema tem um outro poder, ainda mais forte, que é o de educar e mesmo de formar opiniões, e alguns vão mais além, passam a ser referência até mesmo em cursos acadêmicos.

A história do cinema começou com o cinema mudo, e foi assim durante 3 décadas. Os filmes eram silenciosos, acompanhados de música, muitas vezes ao vivo ou eram narrados. Uma das figuras principais do cinema mudo é Charles Chaplin.

Até o início do século XX, Itália e França eram os países que tinham o cinema mais popular do mundo, mas a indústria europeia foi arrasada durante a Primeira Guerra Mundial, e então os Estados Unidos começou a se destacar, começando a criar e importar filmes. Foram então fundados os mais importantes estúdios que conhecemos, como a Fox, Universal e Paramount e então Hollywood consolida-se como o centro da indústria cinematográfica mais importante do mundo.

No Brasil, a primeira sessão de cinema acontecem em julho de 1896, no Rio de Janeiro, direcionado à elite carioca, uma vez que os ingressos não eram baratos, Um ano depois, a cidade já contava com a primeira sala de cinema.

Atualmente vários países se posicionam firmemente no cenário cinematográfico e as novas tecnologias foram chegando, ao longo das décadas, transformando o cinema, que atualmente surpreende com filmes recheados cenas impressionantes e inacreditáveis. e cheios de efeitos especiais.