Um homem foi preso em flagrante na terça-feira (22), em Colinas (MA), o acusado foi identificado como Sebastião Modesto de Carvalho, de 58 anos de idade, conhecido popularmente como “Tião”. A prisão de Tião ocorreu após uma longa investigação da Polícia Civil da cidade. Ele foi apontado como o principal suspeito de ter violentado sexualmente suas três enteadas, todas menores de idade, com faixa etária entre oito a doze anos de idade.

De acordo com informações repassadas pela polícia, os estupros eram constantes e sempre ocorriam da mesma forma, quando a mãe das vítimas estava fora de casa. O indivíduo aproveitava a ausência da esposa para cometer o crime. Ainda e acordo com a polícia, Sebastião Modesto, após os estupros, sempre ameaçava as vítimas de morte caso elas contassem o que tinha acontecido para alguém.

Conforme a polícia, o acusado também vai responder por posse ilegal de arma, pois na residência do acusado os policiais encontraram uma espingarda, a mesma que o indivíduo usava para ameaçar de morte as enteadas.

Sebastião o “Tião”, foi preso em flagrante e levado para a delegacia da cidade, prestou seu depoimento e encontra-se preso, e ficará a disposição da Justiça.

A pena para o crime de Estupro de vulnerável pode variar de oito a quinze anos de reclusão. Caso o suspeito seja condenado, como são três vítimas de estupro, ele pode pegar até 45 anos de cadeia. A polícia da cidade está investigado o caso.

Outro caso semelhante aconteceu na terça-feira (22), um homem foi preso acusado de estuprar uma criança de 11 anos, na cidade de Sapezal (MT).

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

O homem foi identificado com as inicias M. G. S., de 61 anos. De acordo com o portal “Nortão Notícias”, conforme as investigações, o indivíduo já estava estuprando a vítima já alguns meses. De acordo com a polícia, na casa do acusado, os policiais encontraram vários DVDs infantis, 2 espingardas, cerca de 24 munições de calibre 38, um notebook com fotos da menina e um cofre cor-de-rosa.

Segundo a polícia ele usava pra guardar dinheiro para a vítima.

Ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Sapezal, segundo o delegado Waner dos Santos Neves, que lavrou o flagrante dos crimes de posse ilegal de arma e indiciamento pelo estupro de vulnerável. O indivíduo está à disposição da Justiça.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo