Neste último domingo (6), uma mulher de 26 anos, mãe de quatro filhos, flagrou um homem nu na cama de uma das crianças. Demasiadamente enfurecida com o que viu, ela agrediu o homem com um cabo de vassoura e um pedaço de cano PVC. O caso foi parar na polícia [VIDEO] e ela foi detida.

Mulher bate em homem que estava nu na cama ao lado de sua filha

O caso aconteceu na pequena cidade interiorana de Sinop, localizada a 503 km da capital Cuiabá, no Mato Grosso, e se tornou notícia nos principais portais do Brasil.

Publicidade

Ao entrar em sua residência, uma mãe, que não teve a identidade revelada pela Polícia, se deparou com um homem nu deitado ao lado de sua filha, uma menina de apenas 5 anos de idade.

Identificado como Jhoni Freitas Costa, de 36 anos, o homem, após ser flagrado, foi repreendido e em seguida surpreendido com diversos golpes com cabo de vassoura e um pedaço de cano de PVC.

As agressões comandadas pela mãe da menina contaram ainda com a colaboração de outros dois homens que, inconformados com a situação, agrediram brutalmente o rapaz.

Suspeito de tentar abusar de menina de 5 anos é levado para o hospital

O caso em questão se deu no interior de uma residência onde se encontravam três crianças, sendo elas de 3, 5 e 8 anos de idade e culminou com o espancamento de Jhoni Freitas Costa, suspeito de tentar abusar sexualmente da menina ao se deitar ao lado dela.

Encontrado por policiais, o homem de 36 anos, que estava nu e imobilizado no chão, apresentava diversos ferimentos ao longo do corpo e foi encaminhado pelos agentes para a emergência do Hospital Regional.

Publicidade

Mãe é detida após surpreender homem deitado com menina

De acordo com informações registradas no boletim de ocorrência da Polícia Militar, a mãe das crianças havia deixado os mesmos em casa e ido até um bar acompanhada de dois amigos, sendo eles de 22 e 24 anos de idade.

Ao flagrar o grupo imobilizando Jhoni Freitas, os policiais fizeram a abordagem, e a mulher, que aparentava estar embriagada, confessou a agressão ao suspeito. Detida em flagrante, a mãe das crianças foi encaminhada para a delegacia, juntamente com os dois rapazes que a ajudaram a abordar e deter o homem que ainda estava nu.

A Polícia Militar não soube informar a ligação entre a família e o homem suspeito de tentar abusar sexualmente da menina.

O Conselho Tutelar do município de Sinop foi acionado para atuar no caso e as crianças atualmente estão sob a responsabilidade de uma bisavó.