Um cantor sertanejo morreu em um acidente de motocicleta em uma rodovia de Mato Grosso do Sul, cidade de Coxim, neste domingo (24). Luiz Henrique Menezes de Macedo tinha 24 anos e colidiu de frente com um caminhão. O rapaz pilotava uma moto na cidade de Coxim, que fica a 257 quilômetros de Campo Grande, no sentido Pedro Gomes. A carreta vinha na direção contrária.

O motorista do caminhão, que tem 41 anos, fez o teste do bafômetro, mas não apresentou indícios de embriaguez. Além disso, toda a sua documentação estava em dia e ele não teve ferimentos.

De acordo com informações da Polícia, o motorista não resistiu aos ferimentos e morreu antes do socorro chegar.

A perícia constatou que a moto que o sertanejo pilotava, uma Yamaha Factor, invadiu a pista contrária. Agora a polícia investiga por qual motivo o jovem perdeu o controle da motocicleta.

O acidente ocorreu no km 733 da BR-163. Alguns jornais locais informaram que o corpo do jovem foi lançado a 50 metros do local do acidente. Além disso, a colisão foi tão forte que a moto chegou a explodir.

Em publicações nas redes sociais, amigos do cantor lamentavam o ocorrido. Ednon Araújo era colega de banda de Luiz e classificou o jovem como um rapaz brincalhão e que fazia amizade fácil. Ele diz que o amigo era "sorridente e cheio de vida" e que chegavam a perguntar se era seu filho. Luiz fazia dupla com o cantor Félix em seus dias de folga e ambos saiam para fazer shows em bares e restaurantes.

Segundo conta Ednon, Luiz estava a apenas seis meses participando da banda e grande parte das apresentações aconteciam pela região norte de Mato Grosso do Sul. O corpo do jovem foi sepultado na manhã desta segunda-feira (25) na cidade de Coxim.

Outra tragédia no meio artístico

Também neste mês de março, outro cantor sofreu um acidente. Dessa vez, o cantor de Música country, Justin Carter, acidentalmente deu um tiro em si mesmo.

A tragédia aconteceu em Houston, Texas, nos Estados Unidos. Justin tinha 35 anos e era considerado uma promessa no seu estilo musical. Ele já havia vendido 135 milhões de cópias somente nos Estados Unidos.

Durante a gravação do clipe, ele retirou uma arma de seu bolso e atirou no próprio olho. Foi a mãe do artista, Cindy McClellan, quem deu a notícia em entrevista a uma emissora de televisão.

Nas redes sociais, a família do cantor pediu orações e privacidade para o momento difícil. Eles também escreveram que o rapaz era cheio de alegria e riso, além de ser amado por muita gente.

Siga a página Fofocas
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Música
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!