Um grupo de mulheres na cidade de Tambaú, localizada no estado de São Paulo, virou notícia recentemente. Dedicado ao questionamento dos padrões de beleza impostos pela sociedade, assim como ao estímulo do diálogo sobre questões ligadas ao corpo e ao desenvolvimento da autoestima, o nome do grupo em questão é 'Glamourosas' e é composto por mulheres acima do peso que, ao longo da vida, já sofreram algum tipo de preconceito devido a sua aparência e foram cobradas acerca dos padrões midiáticos de beleza e corpo perfeito.

Publicidade

Contando com a participação de diversas mulheres locais, o grupo visa desconstruir esses pontos por meio do questionamento de preconceitos camuflados. Esses aspectos foram destacados por Bárbara Puppo, integrante do grupo e ex-miss plus size. Em entrevista à emissora EPTV, afiliada da Rede Globo na região, Puppo aponta que, por diversas vezes, pessoas a abordaram destacando a beleza do seu rosto e a questionaram sobre os motivos pelos quais a ex-miss não procurava emagrecer um pouco.

Essas ofensas cotidianas, que são normalizadas, serviram para que Rose Backstage, a criadora do grupo, sentisse o ímpeto de trazê-lo à vida.

Assim, entre as atividades das 'Glamourosas' em suas reuniões, encontram-se desfiles e ensaios fotográficos, que visam ajudar as integrantes do grupo a valorizar a sua própria beleza, sempre com o intuito de incentivar a igualdade, a valorização de diferentes tipos de mulheres e a busca por um lugar na sociedade.

Maior variedade de roupas

Outro objetivo da criação do grupo, refere-se ao incentivo que as 'Glamourosas' buscam fazer no sentido de que lojas de roupas passem a fornecer uma maior variedade de tamanhos no seu catálogo.

Publicidade

De encontro a isso, Maria Lúcia da Silva Neves, uma comerciante que pertence ao grupo, relata que ela possui uma loja de Moda de praia, na qual também confecciona algumas peças e em sua loja ela procura priorizar tamanhos grandes como uma maneira de inclusão.

A união do grupo em questão fez com que diversas mulheres fossem capazes de desenvolver uma melhor autoestima e amor próprio. Tamires Thomé, dona de casa, foi uma das mulheres cuja vida foi tocada pelo projeto 'Glamourosas'. Thomé relata que durante as reuniões do grupo e através do contato com as demais pertencentes a ele, como Bárbara Puppo, ela percebeu que essas mulheres não se importam com as críticas frequentes ligadas ao seu peso e, com o apoio das companheiras de grupo, está superando a depressão.

Tamires relata ainda que em momentos anteriores, ao entrar em uma determinada loja de roupas e não ver nada que atendesse ao seu manequim, ela acabava por deixar os estabelecimentos chorando. Sua autoestima, descrita por ela como baixa em momentos anteriores, acabou por melhorar, de maneira que agora ela se olha no espelho e consegue se sentir bem com o que vê.