Um acidente ocorrido na noite desta quinta-feira (13), por volta das 19h30, no bairro do Cabula, perto do Shopping Bela Vista, em Salvador, deixou um saldo de 27 pessoas feridas, sendo quatro em estado grave, quando um ônibus caiu de uma ribanceira, despencando de uma altura de dez metros. O veículo pertence ao Consórcio Integra e fazia a linha Mata Escura/Pituba.

O resgate movimentou várias equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e viaturas do Corpo de Bombeiros.

Os feridos em estado mais grave foram levados para três hospitais da região. A maioria dos feridos foi atendida no próprio local onde aconteceu o acidente. O ônibus estava cheio.

Uma mulher grávida de oito meses, que levou uma pancada na cabeça, está entre os ocupantes do veículo resgatado em estado mais grave e um idoso, que ficou preso às ferragens do coletivo, teve um braço amputado e também está em estado grave.

Motorista era experiente na profissão

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Hélio Ferreira, em entrevista concedida ao portal G1, disse que o motorista e o cobrador do ônibus estão estre os feridos e ainda não se sabe o que causou o acidente, que aconteceu em um momento que não chovia.

De acordo com Ferreira, o motorista está muito abalado e quanto tiver melhor condição psicológica poderá dar detalhes do que de fato aconteceu.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Política

Ferreira disse ainda que o motorista é um profissional experiente, com 25 anos serviços prestados. Ele foi socorrido pelos próprios pedestres que passavam próximo ao local.

O major Ramon Diego, do Corpo de Bombeiros, disse que o motorista perdeu o controle do veículo, invadiu a calçada e derrubou um gradil, vindo a cair morro abaixo. Na descida o coletivo ainda arrancou um coqueiro. Testemunhas disseram que o ônibus trafegava em alta velocidade. A frete do veículo ficou totalmente destruída.

Homem relata desespero dos passageiros

O baleiro Vinícius Santiago, de 26 anos, era um dos passageiros do ônibus e contou os momentos de pavor que viveu durante o acidente. Segundo ele, inicialmente houve uma pancada, que ele acredita que foi o momento em que o ônibus subiu na calçada. "Teve uma pancada primeiro, acho que foi na hora que ele subiu o meio fio", disse.

Logo após a pancada houve muita gritaria, o ônibus tombou e várias pessoas pisaram em cima dele, que viajava em pé.

Ainda de acordo com Santiago, que teve ferimentos nas costas, nas mãos e no pescoço e foi atendido no local, falou que houve confusão entre os passageiros, que tentavam deixar o ônibus ao mesmo tempo. "Eu mesmo escapei pela saída de emergência, pela parte de cima do coletivo”, relatou.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo