Na última terça-feira (10), o Conselho Federal de Contabilidade emitiu uma nota oficial durante o período noturno para repudiar as atitudes do programa "Zorra", exibido pela Globo nas noites de sábado. O motivo da nota foi uma sátira feita pelo programa envolvendo um contador.

A cena em questão, protagonizada pelo personagem César Lobatto, mostra o homem recebendo um troféu. Entretanto, o prêmio não possui um tom muito elogioso e conta com o título de “nem fede e nem cheira”.

O recebimento do prêmio ocorreu durante uma premiação também criada especialmente para o programa Zorra. O objetivo da ocasião fictícia era premiar as pessoas que nunca ganharam outro tipo de competição em todas as suas vidas.

Ainda durante a cena, César Lobatto sobe ao palco do local no qual a premiação está acontecendo para receber o seu prêmio e agradece a várias pessoas, que estariam envolvidas em sua vitória. Entre os citados durante o discurso estão os pais do personagem, apontados como pessoas que nunca esperaram que ele conseguisse alguma coisa na vida.

Nota de repúdio ao 'Zorra'

Devido à cena, o Conselho Federal de Contabilidade fez críticas bastante duras à Rede Globo.

De acordo com o órgão citado, a forma da emissora de tratar os profissionais da contabilidade, definida como desrespeitosa e debochada pela nota, pode ser considerada algo que deprecia a imagem de todos os profissionais da contabilidade o território brasileiro.

Ainda na nota, o Conselho afirmou que considera lamentável que uma empresa de comunicação massiva como a responsável pelo "Zorra" agir dessa forma, especialmente considerando que a emissora funciona mediante à concessão por parte do Governo Federal.

Na sequência, a nota afirmava que usar a autorização do Estado para promover a difamação de profissionais que possuem a confiança de outros setores sociais é algo digno de repreensão. A nota do Conselho Federal de Contabilidade ainda pontua que os profissionais da área atuam com honestidade, zelo, integridade, competência e diligência.

Também durante o texto da nota, o órgão em questão afirmou que a Globo agiu de forma similar em outras ocasiões e pontuou que as novelas e minisséries da emissora já apresentaram cenas parecidas com essa e retratou os contadores de forma pejorativa.

Nessas ocasiões, o Conselho também reagiu, mas isso de pouco adiantou, visto que a emissora conservou o seu posicionamento e manteve a sua prática de retratar pejorativamente os profissionais da contabilidade.

De acordo com o portal UOL, uma tentativa de contato com a Globo foi feita por telefone e também por e-mail. Entretanto, a emissora ainda não havia respondido até o momento da publicação da matéria veiculada pelo portal.

Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!