No último domingo (22), a ativista Luisa Mell usou as suas redes sociais para dar um recado importante aos seus seguidores. Em tom de apelo, Luísa pediu às pessoas para que passem a levar mais a sério a pandemia de coronavírus, que já conta com um número alarmante de casos em todo o Brasil.

Usando da sua visibilidade para o bem, a ativista comentou um pouco mais sobre como a sua família está lidando com a pandemia. Na ocasião destacada, ela chegou a se emocionar ao fazer o seu relato e ao contar mais sobre a situação em que seus familiares se encontram em decorrência do coronavírus.

Durante o seu relato nas redes, Luisa Mell afirmou que o seu marido, Gilberto Zaborowsky, de 55 anos, e ela estão com pneumonia. Ainda no seu desabafo, a ativista da causa animal informou que a doença, muito provavelmente, foi causada pela Covid-19. De acordo com Luisa, o seu caso é um pouco mais leve, mas Gilberto está apresentando um quadro mais grave e precisará ficar internado devido a isso.

Ainda durante a sua postagem no Instagram, que contou com uma fotografia de máscara, Luísa Mell relatou que ela e seu marido chegaram a realizar o exame necessário para detectar a presença do coronavírus no organismo.

Entretanto, isso aconteceu ainda na semana passada e, até o presente momento, eles não tiveram resultados oficiais.

De acordo com a ativista, levando em consideração os sintomas que os dois apresentam, existem motivos para que ela acredite que ambos estão infectados com o coronavírus.

Também no seu relato, a ativista comentou a respeito da situação de seu filho, Enzo, de 5 anos de idade. Ao falar sobre o menino, Luisa Mell relatou que ele está apresentando febre alta, sintoma consistente com a Covid-19.

Na ocasião, ela afirmou que não se trata apenas de “uma gripezinha”, como algumas pessoas insistem em afirmar.

Ao fim do seu relato, Luisa destacou a importância de ficar em casa nesse momento e pediu aos seus seguidores para que sigam essa recomendação.

Luisa fala sobre atendimento hospitalar

Ainda durante o seu relato, a ativista aproveitou para tentar conscientizar a população a respeito de um dos principais pontos da pandemia: a dificuldade de conseguir atendimento hospitalar devido à rápida proliferação da doença.

De acordo com Luisa Mell, caso os casos de Covid-19 aumentem, o sistema de Saúde pode não conseguir atender todas as demandas que surgirem.

Luisa e toda a sua família receberam atendimento em um hospital participar. Assim, a ativista aproveitou a ocasião pra questionar uma possível sobrecarga no sistema de saúde e afirmou que, por ora, eles estão em um bom hospital, mas que pode acontecer de que todas as unidades hospitalares fiquem lotada e não possuam a capacidade de atender a todas as pessoas.

Não perca a nossa página no Facebook!